A Caixa Econômica Federal inicia na próxima segunda-feira, 31 de maio, a liberação do saque e transferência da 2ª parcela do Auxílio Emergencial 2021. Assim como o cronograma de crédito em conta, o calendário de saque do Ciclo 2 também foi antecipado pelo banco e pelo governo federal. Dessa forma, os nascidos em janeiro que inicialmente só poderiam retirar o dinheiro em 08 de junho já poderão sacar os valores no início da próxima semana.

A segunda parcela do Auxílio 2021 começou a ser creditada em 16 de maio para inscritos no Cadastro Único e cadastrados pelas plataformas digitais. Os depósitos terminam no próximo domingo (30), quando o benefício será pago para os nascidos em dezembro. Já o público do Bolsa Família irá receber a 2ª parcela entre os dias 18 e 31 de maio.

Datas de saque da 2ª parcela do Auxílio 2021

Antes previsto para iniciar em 08 de junho, agora os beneficiários nascidos em janeiro poderão retirar o auxílio emergencial já no dia 31 de maio. O cronograma continua até o dia 17 de junho com a liberação de saque para um novo grupo a cada dia da semana, exceto no sábado e domingo.

  • 31 de maio - saque e transferência liberados para nascidos em janeiro;
  • 1º de junho - saque e transferência liberados para nascidos em fevereiro;
  • 02 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em março;
  • 04 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em abril;
  • 08 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em maio;
  • 09 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em junho;
  • 10 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em julho;
  • 11 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em agosto;
  • 14 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em setembro;
  • 15 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em outubro;
  • 16 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em novembro;
  • 17 de junho - saque e transferência liberados para nascidos em dezembro.

O saque do auxílio emergencial pode ser feito tanto nas agências como em lotéricas ou nos correspondentes Caixa Aqui. Independente da forma escolhida para sacar, o beneficiário terá que ter o celular em mãos para acessar o aplicativo Caixa Tem e gerar o código que autoriza o saque.

Como sacar o auxílio emergencial 2021?

Assim que chegar a data permitida para o saque, o usuário encontrará no aplicativo Caixa Tem a opção Saque sem cartão que permitirá o saque nos caixas eletrônicos e lotéricas. Então, siga o passo a passo:

  1. Clique nesta opção e uma nova tela será aberta. Aperte em Gerar código para saque.
  2. O aplicativo irá informar então que o beneficiário deve estar em frente a um caixa eletrônico, atendente lotérico ou correspondente Caixa Aqui antes de continuar. Isso porque o código que irá ser gerado tem validade de uma hora e caso não finalize o saque dentro desse tempo o processo terá que ser realizado novamente do início.
  3. Se você já está no local em que irá realizar o saque em dinheiro aperte na opção Gerar Código.
  4. Pronto! O código autorizador de saque será gerado e basta digitá-lo no caixa eletrônico ao fazer a operação.
  5. No visor do caixa eletrônico terá a opção Saque Auxílio Emergencial. Em seguida, deverá ser preenchido o número do CPF do beneficiário. Digite e tecle na opção Continuar.
  6. O caixa eletrônico irá então solicitar o código de seis números gerado no aplicativo. Digite e tecle Continuar.
  7. Na tela irá surgir diversas opções de valores para saque. O beneficiário poderá sacar o valor inteiro, os valores sugeridos em tela ou então digitar manualmente o crédito desejado e o saque será realizado.

A Caixa Econômica Federal informou que as agências funcionarão das 8h às 13h, de segunda a sexta-feira e que não é necessário madrugar na fila para ser atendido. O banco afirmou que todas as pessoas que procurarem atendimento durante o horário de funcionamento serão atendidas.

Transferir Auxílio Emergencial 2021 por Pix

Existe também a possibilidade de transferir o auxílio emergencial 2021 pelo Pix no Caixa Tem. Essa alternativa só funciona quando chega a data de saque e transferência do benefício, ou seja, só estará disponível para o usuário na data definida pelo calendário de saque. Veja abaixo como fazer:

  1. Na tela principal do Caixa Tem escolha a opção Pix;
  2. Escolha a opção Pagar;
  3. Na próxima tela, escolha se você quer fazer a transferência por chave pix ou QR code;
    Se escolher a opção Chave, informe qual o tipo você vai utilizar (telefone, CPF/CNPJ, e-mail ou chave aleatória);
  4. Informe o dado da chave e o valor que deseja transferir. A descrição do pagamento é opcional;
  5. Confira os dados preenchidos e selecione "Sim, digitar senha";
  6. Digite a senha do Caixa Tem e a transferência será concluída;
  7. Se você preferir o pagamento por QR Code, poderá optar pela leitura do código com a câmera do celular ou por colar o QR Code;
  8. Basta apontar a câmera para QR Code e inserir a senha do Caixa Tem para concluir o pagamento.