21/05/2021
22/06/2021
18/08/2021
R$ 8.328,77
40

Anexos

Saiu o aguardado edital do novo concurso do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (edital TCE-AM). O órgão divulgou por meio da Fundação Getulio Vargas (FGV) a abertura de 40 vagas no cargo de Auditor Técnico de Controle Externo, carreira de nível superior.

São 18 vagas na área de Auditoria Governamental, 5 vagas para a área de Auditoria de Obras Públicas, 15 vagas na área de Auditoria de Tecnologia da Informação e mais duas para o Ministério Público de Contas.

Veja os requisitos para participar do concurso, de acordo com a especialidade de cada vaga:

  • Auditoria Governamental (18 vagas) - Exige diploma de curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação;
  • Auditoria de Obras Públicas (5 vagas) - Exige curso de graduação de nível superior nas áreas de formação da Engenharia ou Arquitetura;
  • Auditoria de Tecnologia da Informação (15 vagas) - Exige graduação de nível superior em tecnologia da informação, em todas as suas acepções;
  • Ministério Público de Contas (2 vagas) - Exige diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso graduação de nível superior em Direito.

O salário inicial da carreira é de R$ 8.328,77 por uma jornada de trabalho de 30 horas por semana e há ainda reserva de seis vagas para os candidatos portadores de deficiência.

O servidor empossado mediante aprovação no concurso fará jus ainda aos benefícios estabelecidos na legislação vigente. Veja o edital no quadro anexo.

Inscrição TCE-AM

As inscrições no concurso serão realizadas via internet, por meio do endereço eletrônico da FGV - https://conhecimento.fgv.br/concursos/tceam21 no período das 16h do dia 17 de maio até as 16h do dia 15 de junho de 2021. O valor da taxa de inscrição é de R$ 185,00.

Os candidatos passarão por uma prova objetiva com 100 questões objetivas, a serem realizadas na cidade de Manaus-AM, em dois dias, dias 21 e 28 de julho de 2021,

A seleção ocorrerá das 08h às 11h para a área de Auditoria Governamental e, das 14h às 17h para as áreas de Auditoria de Tecnologia da Informação, Auditoria de Obras Públicas e Ministério Público de Contas.

Os locais para realização da prova objetiva serão divulgados no endereço eletrônico da FGV com uma semana de antecedência. Veja a composição das provas:

Auditoria Governamental e Ministério Público de Contas

  • 30 questões de Língua Portuguesa;
  • 20 questões de Controle Externo;
  • 50 questões de conhecimentos específicos do cargo.

Auditoria de Tecnologia da Informação, Auditoria Obras Públicas

  • 20 questões de Língua Portuguesa;
  • 10 questões de Controle Externo;
  • 10 questões de Noções de Direito Constitucional;
  • 10 questões de Noções de Direito Administrativo;
  • 50 questões de conhecimentos específicos do cargo.

O gabarito oficial preliminar e os resultados preliminares da prova escrita objetiva serão liberados no endereço eletrônico do concurso público. Será considerado aprovado, para todas as áreas, o candidato que acertar, no mínimo, 20 questões no módulo de conhecimentos básicos e acertar, no mínimo, 25 questões no módulo de conhecimentos específicos.

O prazo de validade do concurso será de dois anos, contados a partir da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogados pelo mesmo período, a critério do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas.

Anexos