03/01/2022
03/02/2022
20/03/2022
R$ 19.197,06
375
22/03/2022

Anexos

Segue com inscrições abertas agora até o dia 3 de fevereiro o concurso público da Controladoria-Geral da União. Muito aguardado, o edital CGU saiu no Diário Oficial da União de 23 de dezembro e tem 375 vagas abertas e cadastro de reserva em cargos de Auditor e Técnico Federal de Finanças e Controle. As inscrições foram prorrogadas e seguem até o dia 3 de fevereiro - veja a retificação.

O concurso está a cargo da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e 5% das vagas serão reservadas para as pessoas com deficiência. Outras 20% ficarão destinadas para os candidatos negros, conforme leis federais. Veja o edital completo no quadro anexo.

Resumo do Edital CGU

  • 375 vagas no total: 300 para o cargo de Auditor Federal de Finanças e Controle e 75 vagas para Técnico Federal de Finanças e Controle;
  • Salários de R$ 7.283,31 para Técnico e de R$ 19.197,06 para Auditor;
  • Vagas apenas nos estados do Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e Distrito Federal;
  • Inscrição até às 16h de 3 de fevereiro de 2022 com taxas de R$ 120 para Auditor e R$ 80 para Técnico.
  • Prova objetiva marcada para 20 de março de 2022.
  • O concurso terá etapas de prova objetiva, prova discursiva, perícia médica dos candidatos que se declararem com deficiência e heteroidentificação dos candidatos que se declararem negros.

Quais requisitos para concorrer aos cargos da CGU

Veja as vagas ofertadas por área de atuação:

Auditor Federal de Finanças e Controle (300 vagas). São 126 para Auditoria e Fiscalização, 80 para área de Tecnologia da Informação, 40 vagas para Contabilidade Pública e Finanças e 54 vagas para especialidade de Correição e Combate à Corrupção.

Todos as áreas exigem nível superior em qualquer área e o salário inicial é de R$ 19.197,06, por regime de trabalho de 40 horas por semana.

Técnico Federal de Finanças e Controle (75 vagas) - Exige ensino médio completo e idade mínima de 18 anos. O salário inicial será de R$ 7.283,31 por jornada de 40 horas por semana.

Como se inscrever no concurso CGU

O período de inscrições no concurso vai agora até as 16h do dia 03 de fevereiro de 2022, apenas pela internet, no site da FGV - https://conhecimento.fgv.br/concursos/concursocgu21. A taxa de inscrição será de R$ 80,00 para Técnico e de R$ 120,00 para Auditor Federal.

Pode pedir isenção da taxa de inscrição o candidato que estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) ou for doador de medula óssea.

Quando da inscrição o candidato deverá escolher uma única localidade para realizar as provas entre as 11 mencionadas abaixo; escolher a localidade de lotação (Estado ou Distrito Federal, conforme o caso) da vaga para a qual pretende concorrer; e no caso de Auditor deve ainda optar por uma área de especialização da prova, dentre as quatro abertas.

Provas

O concurso da CGU será constituído pelas seguintes etapas de avaliação:

  • Prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Perícia médica dos candidatos que se declararem com deficiência, de caráter unicamente eliminatório;
  • Heteroidentificação dos candidatos que se declararem negros, de caráter unicamente eliminatório.

As provas objetivas e a prova discursiva serão realizadas na data prevista de 20 de março de 2022 nas cidades de Brasília (DF), Porto Alegre (RS), Recife (PE), São Paulo (SP) e em todas as capitais da Região Norte do país: Rio Branco (AC), Manaus (AM), Macapá (AP), Belém (PA), Porto Velho (RO), Boa Vista (RR) e Palmas (TO).

As provas ocorrerão no turno da manhã, das 8h até 12h30min para os Técnicos.

Já para o cargo de Auditor Federal serão aplicadas em dois turnos, sendo no período da manhã, das 8h até 12h30min a prova objetiva de conhecimentos básicos e a prova discursiva; e no período da tarde, das 15h até 19h a prova objetiva de conhecimentos específicos e prova objetiva de conhecimentos especializados.

Os locais para realização das provas objetivas e discursivas serão divulgados no endereço eletrônico do concurso.

Composição das provas objetivas

Para o cargo Técnico Federal de Finanças e Controle (TFCC) ela será composta por 80 questões, valendo 1 ponto cada questão, sendo 30 de conhecimentos básicos e 50 de conhecimentos específicos.

Conhecimentos Básicos

  • 15 questões de Língua Portuguesa;
  • 05 questões de Língua Inglesa;
  • 05 questões de Raciocínio Lógico-Quantitativo;
  • 05 questões de Noções de Tecnologia da Informação;

Conhecimentos Específicos

  • 10 questões de Noções de Direito Constitucional;
  • 10 questões de Noções de Direito Administrativo;
  • 10 questões de Noções de Administração Financeira e Orçamentária;
  • 10 questões de Noções de Administração Geral;
  • 10 questões de Controladoria-Geral da União: organização, competências e sistemas estruturantes.

Já a prova objetiva para o cargo de Auditor Federal será composta por 110 questões, valendo 1 ponto cada questão, as quais serão assim distribuídas: 30 questões de conhecimentos básicos; 40 questões de conhecimentos específicos; e 40 questões de conhecimentos especializados.

Conhecimentos Básicos

  • 15 questões de Língua Portuguesa;
  • 05 questões de Língua Inglesa;
  • 10 questões de Administração Pública e Políticas Públicas;

Conhecimentos Específicos

  • 10 questões de Direito Constitucional;
  • 14 questões de Direito Administrativo;
  • 05 questões de Administração Financeira e Orçamentária;
  • 06 questões de Fundamentos de Auditoria Governamental;
  • 05 questões de Controladoria-Geral da União: organização, competências e sistemas estruturantes;

Conhecimentos Especializados na área de Auditoria e Fiscalização

  • 10 questões de Auditoria Governamental e Controle Interno;
  • 10 questões de Contabilidade Aplicada ao Setor Público;
  • 10 questões de Avaliação de Políticas Públicas;
  • 10 questões de Finanças Públicas;

Conhecimentos Especializados na área de Correição e Combate à Corrupção

  • 16 questões de Direito Administrativo Sancionador;
  • 08 questões de Direito Civil e Processual Civil;
  • 08 questões de Direito Penal e Processual Penal;
  • 08 questões de Direito Empresarial;

Conhecimentos Especializados na área de Tecnologia da Informação

  • 08 questões de Ciência de Dados;
  • 08 questões de Desenvolvimento de Sistemas;
  • 08 questões de Bancos de Dados;
  • 08 questões de Infraestrutura Tecnológica;
  • 08 questões de Segurança da Informação;

Conhecimentos Especializados na área de Contabilidade Pública e Finanças

  • 10 questões de Auditoria Governamental;
  • 10 questões de Contabilidade Aplicada ao Setor Público;
  • 05 questões de Análise de Demonstrações Financeiras;
  • 05 questões de Estatística;
  • 10 questões de Finanças.

O gabarito oficial preliminar e o resultado preliminar da prova objetiva, bem como o espelho de correção e o resultado preliminar da prova discursiva serão divulgados no endereço eletrônico https://conhecimento.fgv.br/concursos/concursocgu21.

O prazo de validade do concurso público é de dois anos, contados da data da publicação da homologação do resultado final do concurso no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período.

Anexos