05/11/2020
10/11/2020
R$ 12.346,77
1

Anexos

Em Minas Gerais, a Prefeitura Municipal de Leopoldina inscreve entre os dias 05 e 10 de novembro para um novo processo seletivo simplificado que busca preencher uma vaga, além de formar cadastro de reserva no cargo de Médico ESF para atender ao programa de estratégica saúde da família.

A função, que exige ensino superior em Medicina, idade inferior a 75 anos e inscrição no Conselho de Classe (CRM), e terá salário de R$ 12.346,77, sendo R$ 1.984,55 do vencimento básico, R$ 1.984,55 do adicional de extensão de jornada e R$ 8.377,67 da gratificação por dedicação ao ESF. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais.

Como se inscrever

As inscrições devem ser feitas entre os dias 05 e 10 de novembro de 2020, pelo endereço eletrônico https://linktr.ee/SMSLeopoldina. O candidato deverá fazer o upload da seguinte documentação, que deverá estar em formato PDF:

  • Curriculum vitae, conforme modelo disponibilizado no Anexo II do edital;
  • Comprovantes dos cursos e experiências profissionais informadas no curriculum;
  • Comprovantes de conclusão no curso de graduação em Medicina;
  • Comprovante do registro no respectivo conselho de classe.

Provas

A seleção será feita por meio de prova de títulos. O resultado do processo seletivo será divulgado no site do Município www.leopoldina.mg.gov.br, além de ser afixado nos quadros de avisos da Prefeitura Municipal de Leopoldina. A prova de títulos irá avaliar os candidatos conforme os seguintes critérios:

  • Comprovante de participação em cursos de qualificação profissional, na área de atuação, realizados a partir de 2015, observando-se:
    a) Carga horária acima de 80h - 10 pontos (máx.)
    b) Carga horária acima de 120h - 15 pontos (máx.)
  • Pós-graduação na área pretendida - 30 pontos (máx.)
  • Mestrado na área pretendida - 40 pontos (máx.)
  • Doutorado na área pretendida - 50 pontos (máx.)
  • Experiência profissional em atribuições na função a qualconcorrepontuação para cada mês de trabalho - 30 pontos (máx.)

Algumas atribuições

  • Cumprir as metas a serem alcançadas em relação aos indicadores de saúde definidos pelo gestor local do Sistema Único de Saúde;
  • Realizar assistência integral (promoção e proteção da saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e manutenção de saúde) aos indivíduos e famílias em todas as fases do desenvolvimento humano: infância, adolescência, idade adulta e terceira idade;
  • Realizar consultas clínicas e procedimentos na unidade de saúde e, quando indicado ou necessário, no domicílio e/ou nos demais espaços comunitários (escolas, associações etc);
  • Realizar atividades de demanda espontânea e programada em clínica médica, pediatria, ginecoobstetrícia, cirurgias ambulatoriais, pequenas urgências clínico-cirúrgicas e procedimentos para fins de diagnósticos;
  • Encaminhar, quando necessário, usuários a serviços de média e alta complexidade, respeitando fluxos de referência e contra referência locais, mantendo a responsabilização pelo acompanhamento do usuário, proposto pela referência;
  • Indicar a necessidade de internação hospitalar ou domiciliar, mantendo a responsabilização pelo acompanhamento do usuário, proposto pela referência.

O processo seletivo simplificado terá validade de seis meses, contado a partir da data de publicação do resultado, podendo ser prorrogado por igual período de acordo com interesse da Administração.

Anexos