12/02/2021
01/03/2021
R$ 3.044,47
A divulgar

Anexos

Em Santa Lúcia, no estado do Paraná, a Prefeitura Municipal abriu processo seletivo simples que vai formar cadastro de reserva no cargo de Psicólogo para lotação no Centro de Referência de Assistência Social - CRAS. A função exige nível superior e habilitação na área. O salário é de R$ 3.044,47, por carga horária semanal de 40 horas.

O contrato terá prazo de até doze meses, permitida uma única prorrogação por período não superior ao da contratação inicial, desde que precedida de autorização legislativa.

Inscrições abertas

As inscrições podem ser realizadas até as 17 horas do dia 01 de março de 2021, exclusivamente, na Prefeitura Municipal, localizada na Avenida do Rosário, 228, Centro, Santa Lúcia-PR.

Provas

A seleção de que trata este edital consistirá de prova de títulos e tempo de serviço e aperfeiçoamento profissional de caráter eliminatório e classificatório.

Atribuições do cargo

  1. Executar trabalhos relacionados com o comportamento humano e à dinâmica da personalidade, com vistas à orientação psicopedagógica e ao ajustamento individual;
  2. Avaliar o desenvolvimento emocional e os processos mentais e sociais de indivíduos, grupos e instituições, com a finalidade de análise, tratamento, orientação e educação;
  3. Coordenar e orientar os trabalhos de levantamentos de dados científicos relativos ao comportamento humano e ao mecanismo psíquico;
  4. Orientar a elaboração de diagnósticos prognósticos e controle do comportamento do paciente na vida social;
  5. Colaborar com médicos, assistentes sociais e outros profissionais, na ajuda aos inadaptados;
  6. Realizar entrevistas complementares;
  7. Propor a solução conveniente para os problemas de ajustamento escolar, profissional e social;
  8. Colaborar no planejamento de programas de educação, inclusive a sanitária, e na avaliação de seus resultados;
  9. Atender crianças excepcionais com problemas de deficiência mental e sensorial ou portadores de desajuste familiar ou escolar, encaminhando-as para escolas ou classes especiais;
  10. Realizar atendimento a crianças com problemas emocionais, psicomotores e psicopedagógicos;
  11. Acompanhar psicologicamente a gestante durante a gravidez e o puerpério para fornecer apoio emocional e informações, além de conscientização e integração das vivências corporais próprias dessa fase;
  12. Preparar psicologicamente pacientes para cirurgias, para exames que constrangem física e psicologicamente;
  13. Trabalhar a situação de debilidade emocional, em fase de momentos críticos inerentes à vida, inclusive de doenças em fases terminais;
  14. Emitir pareceres sobre matéria de sua especialidade, orientar, coordenar e supervisionar trabalhos a serem desenvolvidos por auxiliares;
  15. Preparar relatórios mensais relativos às atividades do cargo;
  16. Integrar conselhos e comissões quando indicado;
  17. Manter -se atualizado sobre as normas municipais e, também, quanto às modificações da legislação referente às suas atribuições profissionais;
  18. Trabalhar seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e preservação ambiental;
  19. Tratar o público com zelo e urbanidade e executar outras tarefas correlatas à sua área de atuação de acordo com a sua formação profissional;

O processo seletivo simplificado tem validade por doze meses, podendo ser prorrogado mediante autorização legislativa.

Anexos