UNILA-PR abre vaga para Professor na área de Libras

Universidade Federal da Integração Latino-Americana-PR abre mais um processo seletivo para contratação de Professor Substituto. As inscrições abrem no dia 05 de maio.

Por Clécio
Abertura inscrições 05/05/2020 Total de vagas 1
Encerra inscrições 24/05/2020 Salários até R$ 4.304,92

A Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA) com sede no estado do Paraná, publicou o edital de número 111/2020 para realização de um processo seletivo simplificado que visa preencher, em caráter temporário, uma vaga no cargo de Professor Substituto na área de Educação, subárea de conhecimento de Libras.

O cargo exige graduação em licenciatura e proficiência em língua brasileira de sinais em instituições reconhecidas pelo MEC ou FENEIS, além de mestrado em educação ou áreas afins. A remuneração será de R$ 4.304,92, por jornada de trabalho de 40 horas por semana. O contratado receberá ainda auxílio-alimentação mensal no valor de R$ 458,00.

A contratação se dará por período determinado, com prazo inicial de até seis meses, podendo ser prorrogada a critério da administração.

Inscrição em maio

As inscrições estarão abertas das 10h do dia 05 de maio até as 23h59min de 24 de maio de 2020, exclusivamente pela internet, por meio do endereço eletrônico https://sig.unila.edu.br/sigrh/public/home.jsf. O valor da taxa de inscrição é de R$ 105,00 com vencimento no dia 25 de maio.

Provas

A avaliação da área se dará pela prova de títulos e pela realização de entrevista por webconferência pelo Portal de Conferências https://conferenciaweb.rnp.br/login. A divulgação do resultado final sairá até o dia 30 de junho de 2020, pelo site https://sig.unila.edu.br/sigrh/public/home.jsf.

O prazo de validade do processo seletivo simplificado será de um ano, contado a partir da data de contratação, prorrogável pelo mesmo período a critério da administração.

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais