Petrobras não terá novas seleções em 2020, diz estatal

Petrobras decidiu deixar de lado novos processos seletivos para reestruturar o caixa durante a pandemia causada pela Covid-19.

Por Ana Carolina Lopes dos Santos

A estatal Petrobras não deverá contratar novos profissionais em 2020, devido aos impactos causados pela pandemia do novo coronavírus, segundo comunicado divulgado nesta segunda-feira, 22 de junho.

A informação foi publicada no Diário Oficial da União de 22 de junho, por meio do edital que traz a notícia de que a Petrobras sofre com a redução da demanda por petróleo e seus derivados; e que necessita diminuir, na medida do possível, os custos com novas contratações, dentre outras decisões. Veja o que diz o edital:

-"(...) Foi necessária a adoção de medidas como o desembolso de linhas de crédito, redução de investimentos, postergação de novas contratações e hibernação de plataforma, assim como, redução e postergação de gastos com recursos humanos, inclusive diminuição da jornada dos empregados, postergação de parte dos pagamentos da remuneração mensal de empregados com função gratificada, postergação do pagamento de horas extras e o lançamento de programas de desligamento voluntário."

Então, além de optar por não realizar novos processos seletivos entre as próximas semanas, a Petrobras também alterou o serviço e as remunerações de parte dos trabalhadores atuais, tudo para se adaptar ao novo cenário. E essa situação somente deverá ser revertida quando a pandemia cessar.

- Veja o edital publicado no DOU

Queda no consumo de combustíveis

Ainda, segundo pesquisa feita pela ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), a produção da Petrobras diminuiu 5,4% em maio quando comparado com abril de 2020, obrigando a estatal a tomar várias decisões para reorganizar o caixa e diminuir os custos, como o aumento da gasolina, do gás de cozinha e do diesel; hibernação de plataforma e a redução de gastos com recursos humanos, inclusive no que diz respeito a novas contratações.

Ainda conforme o edital divulgado, "(...) a Petróleo Brasileiro S.A. - Petrobras torna pública a decisão de não admissão da vaga remanescente do Processo Seletivo Público PSP RH 2017.2".

Essa seleção pública foi realizada pela Fundação Cesgranrio entre 2017 e 2018, ofertando 112 vagas imediatas mais a criação de cadastro reserva com 560 oportunidades entre os cargos de nível superior: Administrador Júnior, Advogado Júnior, Analista de Sistemas Júnior/ Processos de Negócio, Contador Júnior, Auditor Júnior, Economista Júnior, Engenheiro de Produção Júnior e Estatístico Júnior; cujas remunerações da época variavam entre R$ 5.794,30 e R$ 10.544,04.

Em março de 2018 houve a aplicação de provas objetivas para todos os cargos, compostas por 70 questões, sendo que os candidatos aos cargos de Advogado e Auditor Júnior também fizeram prova discursiva nesse dia.

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Governo autoriza 1.481 vagas no IBAMANível: Médio, Superior07/07/2020844R$ 5.225,00
Concurso IBAMA 2020: Sai edital para Brigadistas temporáriosNível: Médio, Superior07/07/2020844R$ 5.225,00
IBAMA divulga localidades das 1.481 vagas autorizadasNível: Médio, Superior07/07/2020844R$ 5.225,00
Exército abre seleção para Sargento e Oficial temporário na 3ª RM que fica no RSNível: Médio, Superior10/07/2020Cadastro ReservaR$ 7.315,00
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais