Cebraspe divulga locais de prova do concurso da Polícia Federal

Provas serão aplicadas no dia 16 de setembro em todas as capitais do país. São 500 vagas em 5 carreiras de nível superior com remunerações de até R$ 22.672,48.

Por:
0
0 share
0 tweets
0 share

A Polícia Federal publicou no Diário Oficial da União de hoje, 10 de setembro, que já estão disponíveis para consulta os locais de realização das provas objetiva e discursiva do concurso público que vai preencher 500 vagas nos cargos de Delegado, Perito Criminal, Agente, Escrivão e Papiloscopista Policial Federal no país.

Prédio da Polícia Federal de Santa Cruz do SulAs provas objetivas e discursivas para todos os cargos, exceto Delegado, terão a duração de 5 horas e serão aplicadas no dia 16 de setembro, às 14 horas (horário de Brasília/DF). Para o cargo de Delegado de Polícia Federal, a prova objetiva terá duração de 4 horas e será aplicada no dia 16 de setembro, às 8 horas; e a prova discursiva terá a duração de 4 horas e será aplicada na mesma data, às 15 horas.

As provas objetivas serão do tipo 'certo' e 'errado', metodologia empregada pelo Cespe/Cebraspe, e terão 120 questões para todos os cargos, realizadas em todas as capitais e no Distrito Federal.

Os locais de prova estão disponíveis para consulta no site do Cebraspehttp://www.cespe.unb.br/concursos/pf_18.

Os resultados final da prova objetiva e provisório da etapa discursiva sairão na data provável de 10 de outubro. Já o resultado final da prova discursiva e a convocação para o exame de aptidão física terão divulgação em 26 de outubro. O exame de aptidão física será realizado nas datas prováveis de 2, 3 e 4 de novembro de 2018.

Além destas etapas, o concurso terá prova oral (somente para Delegado), Prova prática de digitação (somente para Escrivão), Avaliação médica, Avaliação psicológica, Avaliação de títulos (apenas para Peritos e Delegado) e Curso de Formação - veja mais no edital PF 2018.

Concurso PF 2018

A Polícia Federal abriu concurso em junho deste ano para preencher 500 vagas em diversas carreiras de nível superior. As oportunidades estão distribuídas nos seguintes cargos:

- 150 vagas para Delegado de Polícia Federal, cargo que exige diploma de bacharel em Direito e três anos de atividade jurídica ou policial. O salário é de R$ 22.672,48;

- 60 vagas para Perito Criminal Federal, que exige curso superior em nível de graduação em Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Engenharia Elétrica, Engenharia Eletrônica, Engenharia de Telecomunicações, Engenharia de Redes de Comunicação, Análise de Sistemas, Ciências da Computação, Engenharia da Computação, Engenharia de Redes de Comunicação, Informática, Engenharia Agronômica, Geologia, Engenharia Química, Química Industrial, Química, Engenharia Civil, Engenharia Florestal ou Medicina, com remuneração de R$ 22.672,48.

- 180 vagas para o cargo de Agente de Polícia Federal, que exige diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em qualquer área de formação, com vencimentos de R$ 11.983,26.

- 80 vagas para Escrivão de Polícia Federal, que exige ensino superior em qualquer área de formação e tem salário de R$ 11.983,26.

- 30 vagas para o cargo de Papiloscopista Policial Federal, que exigirá diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em nível de graduação em qualquer área de formação. O salário será também de R$ 11.983,26.

Avalie esta notícia

Nota:

(5.0/5.0)

Concursos Abertos

Busca avançada de concursos
Concursos Previstos Últimas Notícias
carregando...
JUNTE-SE À DISCUSSÃO
Faça um comentário sobre este assunto
Enviar
  • Natalia Teixeira Natalia Ferreira Oliveira Morais Teixeira Nível 1 Perg. 0 Resp. 4
    Há 1 mês
    Olá meu nome e Natália, sou médica com experiência em diversas áreas há mais ou menos 10 anos.
    0 Responder
  • Natalia Teixeira Natalia Ferreira Oliveira Morais Teixeira Nível 1 Perg. 0 Resp. 4
    Há 1 mês
    Gostaria de saber se me encaixo medico perito criminal PF ou civil.
    0 Responder
  • Natalia Teixeira Natalia Ferreira Oliveira Morais Teixeira Nível 1 Perg. 0 Resp. 4
    Há 1 mês
    Meu currículo além de muitos cursos, experiência com pacientes gravíssimos CTI, urgência emergência, trabalho publicado em Instambul, experiência area medicina trabalho, em municípios onde era medica responsável, todos corpos delitos, atestar óbitos, relatório médico agressões e dentre outros eram realizados por mim e encaminhados ao delegado regional.
    0 Responder