Concurso PRF 2018: Edital para 500 vagas sairá pelo Cespe

Lançamento do edital do novo concurso da PRF pode ocorrer ainda em outubro. Serão abertas 500 vagas de nível superior para ingresso na carreira de Policial Rodoviário Federal que tem salário de R$ 9.899,88.

Por:
0
35 share
0 tweets
5 share

Foi publicada no Diário Oficial da União de 19 de outubro a confirmação do Cespe/Cebraspe como banca organizadora do novo concurso público da Polícia Rodoviária Federal (concurso PRF 2018). Com a divulgação do documento, o edital pode sair a qualquer momento - veja a publicação.

O concurso da PRF foi autorizado em julho deste ano e o prazo para publicação do edital é de 6 meses, com data limite de 26 de janeiro de 2019. No entanto, o Ministro já anunciou que o edital será antecipado e sairá até o fim do mês de outubro, ainda sem data confirmada, para atender a demanda urgente da pasta. Veja a autorização do concurso PRF 2018:

Em publicação feita numa rede social no dia 09 de abril, a PRF confirmou a ansiedade pelo lançamento do edital. Entitulada como "De quem é essa cadeira?" a publicação mostra a Academia Nacional da PRF, onde os aprovados farão o curso de formação - veja a publicação. O objetivo do concurso é aumentar o efetivo na Polícia Rodoviária Federal e fortalecer o programa Alerta Brasil, que funciona com videomonitoramento. Até o fim do ano a promessa é que os postos cheguem a 330. No Rio de Janeiro, o intento é multiplicar por seis os postos atuais.

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão já havia informado que alguns concursos seriam retomados em 2018, e um dos grandes pedidos que tramitavam era, justamente, o da PRF. A portaria nº 2734/2016 publicada pela Coordenadoria-Geral de Recursos Humanos da PRF (CGRH) constituiu um Grupo de Trabalho para a elaboração do documento que regerá a nova seleção para o cargo de Policial Rodoviário Federal. Este grupo já finalizou a proposta do edital e todas as diretrizes para o andamento da nova seleção - Veja a portaria. A comissão promoveu a análise de editais anteriores, fez levantamento de impedimentos à realização das etapas e mapeou as vulnerabilidades apontadas nas diversas ações judiciais antecessoras, com o objetivo de aprimorar os procedimentos do novo concurso. O pedido dava conta de 1.200 oportunidades.

Após a criação do novo Ministério da Segurança Pública, editado por Medida Provisória pelo presidente Michel Temer, o ministro da pasta, Raul Jungmann, anunciou a abertura de concursos na Polícia Federal e na PRF, com 500 vagas para cada corporação. O ministro informou ainda que o orçamento da pasta, de R$ 2,7 bilhões, não terá contingenciamento de verbas para a realização das duas seleções.

Salário do concurso PRF

A remuneração inicial da carreira, que era de R$ 7 mil em 2016, é hoje de R$ 9.473,57 e passará para R$ 9.899,88 em janeiro de 2019, após a sanção do projeto de lei 5865/2016, que reestrutura os vencimentos. Há ainda o benefício de auxílio-alimentação no valor de R$ 458,00 e a jornada de trabalho é de 40 horas semanais. Os ingressantes em áreas de fronteira recebem ainda um adicional de R$ 91,00 por dia trabalhado.

Requisitos para Policial da PRF

Para fazer parte do quadro de policiais rodoviários federais é necessário ter ensino superior completo em qualquer área de formação e ainda carteira de habilitação, no mínimo em categoria "B".

Prepare-se: Apostila de estudo para Policial Rodoviário

Um novo concurso na Polícia Rodoviária Federal se faz necessário para aumentar o efetivo e não paralisar as atividades pelo país. O Diretor da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FENAPRF), afirmou que pode haver um colapso no serviço devido à falta de pessoal caso não abram concursos nos próximos anos. A defasagem já atinge mais de 3 mil profissionais, com um quadro atual de 10.200 policiais em um cenário que deveria ter até 13.100 profissionais, segundo dados do próprio governo. A PRF tem um grande número de servidores que podem se aposentar e isso reforça a necessidade de um novo concurso. Segundo a assessoria do órgão, o que agrava a atual situação é que até o fim de 2018 o quadro pode ser reduzido a 7 mil policiais apenas. Com a prorrogação do prazo de validade do último certame em 2013, a PRF nomeou aprovados até maio/2016, quando então encerrou o prazo de vigência.

Segundo as atribuições do cargo, Policiais Rodoviários atuam na fiscalização, patrulhamento e policiamento ostensivo, atendimento e socorro às vítimas de acidentes rodoviários e demais atribuições relacionadas com a área operacional do Departamento de Polícia Rodoviária Federal.

Policial Rodoviário Federal pode abrir vagasAnterior

O último concurso da PRF no cargo foi realizado em 2013 - confira o edital, destinado ao provimento de 1.000 vagas e que contou com 109.769 inscritos.

No último certame o Cespe/UnB coordenou a seleção e se não houver alterações na estrutura do concurso, a seleção deve ser composta por:

- provas objetivas com 120 questões de conhecimentos gerais (50) e específicos (70);

- prova discursiva de até 30 linhas;

- exame de capacidade física, com testes de flexão em barra física, impulsão horizontal, flexão abdominal e corrida de 12 minutos;

- avaliação de saúde, psicológica e de títulos;

- Investigação social e/ou funcional.

As provas objetivas foram compostas de questões sobre: língua portuguesa, matemática, noções de informática, ética no serviço público, noções de direito constitucional, administrativo, penal e processual penal, legislação especial e relativa à PRF, direitos humanos e cidadania e física aplicada à perícia de acidentes rodoviários.

Veja outros concursos previstos para 2019

Preparando-se para as provas

Para quem deseja realizar o próximo concurso da Polícia Rodoviária Federal, é bom começar a se preparar desde já. Mesmo sem edital até o momento, é possível planejar os estudos a partir do edital da última seleção, assim como buscar outras provas realizadas pela banca - veja dicas para concursos do Cespe/UnB.

Antecipar-se nos estudos garante diversos benefícios ao candidato, como: não correr contra o tempo quando o edital for realmente lançado, ter a possibilidade de aprofundar cada matéria, estar mais seguro quanto ao próprio preparo, não abrindo brecha para nervosismos e preocupações, e por aí vai. Com um concurso tão disputado como o da PRF, o candidato deve garantir estar muito bem preparado para conseguir a aprovação.

Avalie esta notícia

Nota:

(4.5/5.0)

Concursos Abertos

Busca avançada de concursos
Concursos Previstos Últimas Notícias
carregando...
JUNTE-SE À DISCUSSÃO
Faça um comentário sobre este assunto
Enviar
  • Jonatas Jonatas Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    A realização das provas acontece em todos estados ?
    1 Responder
  • Marcos Marcos Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 2 meses
    sim, todas as capitais
    0 Responder
  • Ígor Lopes Ígor Faria Lopes Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano
    Amigo Adriano Maas gostaria de saber uma coisa, concluo minha faculdade no fim deste ano 2017 com apresentação do TCC, porém já tenho concluído todas matérias obrigatórias. Seria possível participar do concurso PRF deste ano com apresentação de algum atestado de previsão de conclusão da universidade? Tenho muito interesse em participar do concurso e trabalhar na polícia rodoviária federal, e sabendo que não é feito todo ano eu não queria perder essa oportunidade. Agradeço, Deus abençoe
    1 Responder
  • Adriano Maas Adriano Maas Nível 1 Perg. 280 Resp. 62
    Há 1 ano
    Olá Igor. A apresentação do diploma de conclusão de nível superior é obrigatório no ato da posse. Sendo assim, caso você seja aprovado e convocado, deverá ter o diploma certificado pelo MEC no ato. Outro documento, como atestado e declaração, mesmo sendo da Universidade NÃO serve. Mas uma boa notícia. Caso o edital saia mesmo até metade do ano, as provas devem ficar para os últimos meses de 2017 e dificilmente irão convocar aprovados neste ano. Aí você já terá seu certificado em mãos. Vale a pena tentar!
    0 Responder
  • Ígor Lopes Ígor Faria Lopes Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano
    Puxa Adriano agradeço demais a atenção, obrigado por responder! Entendi como funciona, então caso eu seja aprovado e no ato da convocação que deverei levar o diploma certificado. Vou me inscrever e tentar sim meu irmão, você me animou, obrigado! E conforme você disse que dificilmente convocarão os aprovados neste ano, estou confiante que já terei o meu diploma em mãos caso eu consiga! Forte abraço
    0 Responder
  • Henrique Ferreira Henrique Ferreira Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    Qual é a idade máxima?
    0 Responder
  • Adriano Maas Adriano Maas Nível 1 Perg. 280 Resp. 62
    Há 1 ano
    Para ingresso na PRF não há limite de idade!
    0 Responder
  • Rafael Onozato Rafael Onozato Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano
    65 anos.
    0 Responder
  • Nayara Souza Nayara Andrade de Souza Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    precisa de ensino superior ?
    0 Responder
  • Ana Ribeiro Ana Carolyne Santos Ribeiro Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano (EDITADO)
    e bem provavel :(
    0 Responder
  • Adriano Maas Adriano Maas Nível 1 Perg. 280 Resp. 62
    Há 1 ano
    Está na notícia \"Para fazer parte do quadro de policiais rodoviários federais é necessário ter ensino superior completo em qualquer área de formação e ainda carteira de habilitação, no mínimo em categoria \"B\".
    0 Responder
  • Rafael Onozato Rafael Onozato Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano
    Superior ou tecnólogo reconhecido pelo MEC.
    0 Responder
  • Bruno Cardoso Bruno Aurelio Bernardo Cardoso Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano
    O tecnológo tb e superior !
    0 Responder
  • Bruno Cardoso Bruno Aurelio Bernardo Cardoso Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano
    Se tiver diploma de tenológo de nivel superior é bom se puder reforçar com uma pos graduação !
    0 Responder
  • Pedro Floriano Pedro Floriano Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    Excelente resposta!
    0 Responder
  • Jefferson Coutinho Jefferson Coutinho Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    Tecnólogo e superior também meu caro! rs E antes que alguém pense em fazer algum curso superior sequencial, eu reitero: Tem que ser graduação.
    0 Responder
  • Ana Ribeiro Ana Carolyne Santos Ribeiro Nível 1 Perg. 0 Resp. 2
    Há 1 ano (EDITADO)
    e so pra quem tem ensino superior ??
    0 Responder
  • Charles Silva Charles Rodrigo Silva Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    Bom dia, existe cota para deficiente fisico?
    0 Responder
  • Adriano Maas Adriano Maas Nível 1 Perg. 280 Resp. 62
    Há 1 ano
    Sim, 5% do total de vagas!
    0 Responder
  • Rubia Prescinca Rubia Prescinca Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    pode mulher
    0 Responder
  • Maria Rezende Maria Auxiliadora Rezende Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano (EDITADO)
    Olá Adriano Tenho interesse em fazer esse concurso para PRF !! Tem que ter altura mínima ? Os testes físicos são iguais pra homem e mulher? Ex: corrida de 12 minutos ? Quanto as vagas , tem um número certo para candidato homem/mulher ?A última agora!! Está tendo cotas para aqueles que considerar pardos ou negros ?


    -1 Responder
  • Adriano Maas Adriano Maas Nível 1 Perg. 280 Resp. 62
    Há 1 ano
    Olá Maria. Não há exigência de altura mínima para o cargo. Os testes físicos são os mesmos para ambos os sexos, mas os índices não. Ex: Para homens é exigido percorrer 2.300m em 12 minutos no teste de corrida de 12 minutos; já para mulheres é exigido 2.000m. Não há reserva de vagas para homens e mulheres, todos concorrem de modo geral. Em relação as cotas, sim, 20% serão para negros e pardos. Para mais informações, leia o último edital, de 2013 - https://www.acheconcursos.com.br/edital-concurso/edital-concurso-prf-2013-policial-rodoviario-federal
    0 Responder
  • Graciele Andrade Graciele Sanches Andrade Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    Não estou achando onde faço a inscricao
    0 Responder
  • Adriano Maas Adriano Maas Nível 1 Perg. 280 Resp. 62
    Há 1 ano
    O concurso é previsto para este ano, mas ainda não tem data oficial de abertura de inscrições. O edital é esperado para os próximos meses. Portanto Graciele, acompanhe as atualizações!
    0 Responder
  • carregar mais