O Governo divulgou neste sábado (10) os dados finais das inscrições no grande Concurso Público Nacional Unificado (CPNU) de 2024. Com prazo encerrado às 23h59min do dia 9 de fevereiro, o número total de inscritos chegou a 2,65 milhões de candidatos, segundo o MGI.

Desse total, uma boa parcela ainda precisa pagar a taxa de inscrição para efetivar a participação. São 1,28 milhão de candidatos que precisam pagar a Guia de Recolhimento da União (GRU) até o dia 16 de fevereiro. Ou seja, oficialmente até aqui, são 1,37 milhão de inscritos.

Só nas primeiras 24 horas da abertura do prazo - que começou dia 19 de janeiro - um total de 217 mil pessoas se inscreveram. A ministra Esther Dweck falou sobre: "Nós sabemos que existe uma corrida na primeira e na última semana. Na primeira semana, atingimos 1 milhão de inscritos, embora depois tenha sido um pouco mais lento como o esperado. Imaginávamos que na última semana o ritmo acelereraria novamente", disse.

O prazo para as inscrições terminou na sexta-feira, dia 9 de fevereiro, pelo site da Cesgranrio, e mais de 600 mil candidatos conseguiram a isenção da taxa por se enquadrarem nos requisitos de estar no CadÚnico, ter acessado o PROUNI ou o FIES e ainda os doadores de medula óssea. Estes não precisarão pagar a taxa para participar.

Os valores das taxas de inscrição são de R$ 90 para os cargos de nível superior e R$ 60 para cargos de nível médio. A taxa ainda poderá ser paga até o dia 16 de fevereiro.

Inscritos no CNU por bloco

Como já era esperado, o bloco de nível médio é disparado o de maior concorrênca. O único dado sobre o número de inscrições divulgadas por bloco pelo MGI foi o seguinte:

  • Bloco 1 - Infraestrutura, Exatas e Engenharias: 7.788 inscritos
  • Bloco 2 - Tecnologia, Dados e Informação: 7.476 inscritos
  • Bloco 3 - Ambiental, Agrário e Biológicas: 7.682 inscritos
  • Bloco 4 - Trabalho e Saúde do Servidor: 31.671 inscritos
  • Bloco 5 - Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos: 27.422 inscritos
  • Bloco 6 - Setores Econômicos e Regulação: 6.611 inscritos
  • Bloco 7 - Gestão Governamental e Administração Pública: 36.177 inscritos
  • Bloco 8 - Nível Intermediário: 93.453 inscritos

*Dados referentes às primeiras 24h de inscrição, quando 217 mil se inscreveram (Gov)

Entramos em contato com o MGI pedindo uma atualização desses números com dados mais recentes, dos candidatos por bloco. Veja a resposta que o Ache Concursos recebeu do MGI:

Olá, caros. Prezando por não interferir na escolha vocacional dos candidatos e também por questões de segurança do sistema de inscrição, o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos optou por não divulgar o detalhamento de inscritos por bloco ao longo do período de inscrição do Concurso Público Nacional Unificado.

Criado pelo Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, o Concurso Público Nacional Unificado terá realização conjunta de concursos para cargos públicos efetivos nos órgãos e entidades da Administração Pública Federal. As provas serão aplicadas simultaneamente em 220 cidades de todos os estados brasileiros e no Distrito Federal.

Para se inscrever, o candidato precisa acessar a página da Cesgranrio, fazer login com uma conta GOV e seguir as instruções indicadas. Durante o processo de inscrição, o candidato deverá escolher as carreiras dentro dos oito blocos temáticos. Cada bloco reúne carreiras similares.

O CPNU permite que o candidato se candidate a mais de um cargo, desde que estejam dentro do mesmo bloco temático. Uma das vantagens é que o candidato pagará apenas uma taxa de inscrição. Ao concorrer a múltiplos cargos, o candidato deverá classificar as vagas de acordo com sua preferência para definir a ordem de prioridade caso seja convocado, baseado na pontuação alcançada.

A prova será realizada simultaneamente em 220 cidades do Brasil no dia 5 de maio.