04/09/2019
07/10/2019
27/10/2019
R$ 1.617,20
400
28/10/2019

Anexos

O Governador do Estado da Paraíba, João Azevêdo (PSB), anunciou nesta segunda-feira, dia 13 de maio, durante uma entrevista a um jornal local, que vai realizar um novo concurso público para Agentes Socioeducativos na Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente - FUNDAC/PB.

O certame é aguardado desde 2017, quando o então governador Ricardo Coutinho sancionou a lei 10.982, a qual criou 322 vagas no órgão. A previsão é da oferta de 400 vagas para o cargo de Agente Socioeducativo, 100 a mais do que era esperado, "Primeiro temos o objetivo de fazer concursos públicos para 4 mil novos professores ao longo de toda a gestão. Já publicamos o edital com 1.000 para este ano. Também faremos o concurso para 400 agentes socioeducativos da Fundac. Lançaremos o edital nos próximos dias", afirmou o chefe de estado.

Para concorrer ao cargo é necessário ter ensino médio completo. A remuneração básica inicial é composta de R$ 1.482,95 por jornada de trabalho de 40 horas semanais, podendo o servidor ser submetido ao regime de plantão de 12 por 36 horas e revezamento noturno. Além disso, os servidores contam com gratificação de atividades especiais e de risco, que soma 40% do salário base, elevando a remuneração para R$ 2.076.

Atribuições do Agente Socioeducativo

O cargo atua na segurança das unidades socioeducacionais, incluindo o controle de movimentação dos internos, acompanhamento dos atendimentos médicos, dos horários de lazer, das refeições, da cultura, do esporte, das atividades escolares e dos cursos profissionalizantes.

Provas da FUNDAC-PB

O novo concurso da FUDAC-PB deverá ter cinco etapas de avaliação, sendo:

  • Prova objetiva;
  • Prova de capacidade física;
  • Exame psicotécnico;
  • Investigação social e
  • Curso de formação profissional.

A comissão do concurso é presidida pela servidora Marlene Rodrigues da Silva e conta, ainda, com os seguintes membros: Maria das Graças Aquino Teixeira da Rocha, José Carlos da Silva, Cláudia Fernandes Gomes, Maria da Conceição de Albuquerque Dias e Paulo Sérgio Cavalcanti de Brito.

Agora, com a comissão formada, o próximo passo é a escolha da banca organizadora, que será responsável pela elaboração do edital, com todas as normas da seleção. De acordo com informações do órgão, o mesmo deve ser anunciado em agosto desse ano.

Último concurso

A última seleção da Fundação Estadual da Criança e do Adolescente da Paraíba - FUNDAC-PB, aconteceu em 2016, com oferta de 400 vagas no cargo de Agente Socioeducativo, para lotação nos municípios de João Pessoa, Lagoa Seca e Sousa.

O cargo exigia nível médio completo e oferecia salários que variavam entre R$ 1.482,95 e R$ 1.887,95, por regime de escala de 12X36 horas.

Os candidatos foram avaliados por meio de aplicação de avaliação de títulos e entrevista oral de caráter eliminatório e classificatório.

Anexos