Em breve
Em breve
R$ 18.747,95
864

Falta pouco para o lançamento dos novos editais dos concursos da Polícia Civil do Rio de Janeiro. Com editais já prontos desde antes da pandemia, o concurso PCRJ 2021 avançou novamente nesta semana na Academia de Polícia Sylvio Terra (Acadepol). O Governo do Estado confirmou nas redes sociais que o concurso será autorizado no Diário Oficial nesta quinta (5), mas não confirmou quando os editais sairão. Veja:

- Veja a autorização do concurso PCRJ 2021

Ainda em fevereiro deste ano (28/02), a delegada Thaianne Moraes, vice-presidente da Fundação de Apoio ao Ensino e Pesquisa da Polícia Civil (Faepol), comentou em uma live nas redes sociais sobre as possibilidades de publicação dos editais. "A gente queria que fosse na primeira semana (divulgação dos editais), mas eu não tenho como garantir, pode ser até o final do mês (março)", declarou Moraes. Após essa declaração, a disseminação da pandemia do novo coronavírus congelou os trâmites, que agora serão retomados.

Ainda em fevereiro foram definidas as duas organizadoras que divulgarão, ao todo, 7 editais que começam em breve - o primeiro deles deve ser para Delegado. O Instituto Acesso já foi escolhido como responsável por coordenar a nova seleção para 47 vagas na carreira, segundo informações da página do órgão.

Concurso da PC RJ terá salários de até R$ 18 mil

Os salários iniciais das carreiras na Polícia Civil carioca variam de R$ 4.506,27 a R$ 18.747,95 e haverá oportunidades para candidatos de todos os níveis de escolaridade.

Prepare-se: Curso específico para cargos do concurso da PC-RJ

A informação sobre a contratação das bancas foi publicada pelo subsecretário de Gestão Administrativa, delegado Flávio Britto, nas redes sociais.

Instituto AOCP será a banca para outros 6 editais

Já para os cargos de Inspetor de Polícia, Investigador, Auxiliar de Necropsia, Técnico de Necropsia, Perito Criminal e Perito Legista, os editais estarão a cargo do Instituto AOCP. O Delegado Flávio Britto também antecipou que todas as provas ocorrerão em datas diferentes. Assim, os candidatos poderão disputar todos os cargos do concurso.

O processo de escolha das bancas foi iniciado em dezembro de 2019 com o recebimento das propostas marcado para o dia 30/12. As informações foram passadas anteriormente pelo diretor de Ensino da Academia de Polícia Sylvio Terra, delegado Carlos Eduardo Rangel, durante o evento Palestrão Futuro Servidor - Carreiras da Segurança RJ.

De acordo com o cronograma planejado para o concurso, obedecendo o prazo de contratação da banca os editais para os demais cargos deverão sair de 45 a 60 dias após a assinatura do contrato com a organizadora.

Provas previstas para 2021

Conforme previsão de Rangel, se o cronograma do concurso se confirmar as provas serão realizadas entre 30 ou 60 dias após os editais publicados. O diretor de Ensino declarou ainda que os candidatos não devem se preocupar com a banca organizadora da seleção.

"A importância da banca é logística, no planejamento e na execução, na elaboração e na execução dos concursos. O capital intelectual para delegado, por exemplo, é 100% da Polícia Civil. A banca faz todas as provas de Conhecimentos. Para outros cargos é misto, ou seja, as bancas utilizam seus examinadores, mas eles são supervisionados pelo nosso capital intelectual. A preparação dos candidatos deve se dar pelas provas anteriores da própria PC RJ", afirmou Rangel.

Concurso PCRJ terá 7 editais

A fala do delegado Carlos Eduardo Rangel trouxe também a informação de que o concurso da PCRJ será composto de sete editais, sendo o primeiro a sair para o cargo de Delegado. "Em seguida, sairão os editais de inspetor, investigador e perito legista, áreas com maior necessidade", contou.

Prepare-se: Apostila de estudo para Técnico de Necropsia da PCERJ
Apostila de estudo específica para Auxiliar de Necropsia da PCERJ

O novo concurso terá 864 vagas. O governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, assinou em novembro de forma oficial o aval para lançamento dos editais.

Serão ofertadas vagas para carreiras de Delegado de Polícia, Perito Legista, Perito Criminal, Auxiliar de Necropsia, Técnico Policial de Necropsia, Inspetor de polícia, Investigador Policial. O documento saiu no Diário Oficial do Estado.

Veja a publicação da PCERJ nas redes sociais anunciando o novo concurso:

Veja a autorização oficial do concurso PCRJ 2019

Concurso PC RJ: distribuição das 864 vagas

Inicialmente, o concurso previa abertura de 1.000 vagas, conforme informado pelo próprio Governador. No entanto, a autorização trouxe menos oportunidades. A distribuição das vagas foi anunciada por meio do perfil do Twitter da PC-RJ no dia 11 de junho. Agora, o chefe de Estado autorizou provimento de 864 vagas nos seguintes cargos:

  • Delegado de Polícia: 47 vagas (nível superior); salário de R$ 18.747,95
  • Inspetor de Polícia: 597 vagas (nível superior); R$ 6.280,31
  • Perito Legista: 54 vagas (nível superior); R$ 10.149,95
  • Perito Criminal: 20 vagas (nível superior); R$ 10.149,95
  • Investigador: 118 vagas (nível superior); R$ 5.740,38
  • Técnico de Necropsia: 16 vagas (nível técnico); R$ 5.277,59
  • Auxiliar de Necropsia: 12 vagas (nível fundamental) R$ 4.506,27

Inicie a preparação: Curso online para cargos do concurso da PC-RJ

Segundo o portal da transparência, a Polícia Civil tem 14 mil agentes a menos do que a legislação estadual determina: ou seja, seriam necessários no estado mais de 23 mil servidores. O secretário da Polícia Civil, Marcus Vinícius Braga, comemorou a decisão do governo em autorizar o concurso. "Os quadros (da Polícia Civil) estão muito defasados. A importância desse concurso é muito grande (para a instituição). O governador entendeu (a necessidade) e autorizou (um edital para) mil vagas", disse Braga. E completou "a procura (para o concurso) será muito grande. Então, a dica é estudar no mínimo oito horas por dia", afirmou Braga.

Governado do RJ autoriza concurso na Polícia Civil para mil vagas.
Governado do RJ autoriza concurso na Polícia Civil para 864 vagas

Últimos

Papiloscopista - O último concurso da Polícia Civil do Rio de Janeiro foi realizado em 2014 para 100 vagas na classe inicial da carreira de Papiloscopista Policial do quadro permanente da Polícia do Estado, sob regime estatutário. A seleção foi coordenada pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Das 100 vagas abertas, 20 foram reservadas para os candidatos negros e índios e 5 para pessoas com deficiência. A função exigiu curso de nível superior em qualquer área de formação, além de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria 'B', entre outros requisitos divulgados no edital. O salário do cargo é de R$ 4.830,63 por jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Perito - Em 2013 aconteceu uma seleção para outras 100 vagas da classe inicial de carreira de Perito Criminal para candidatos de ensino superior completo (registrado no MEC) com inscrição no respectivo Conselho Profissional da classe, com idade mínima de 18 anos e aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo. As oportunidades foram para especialidades de Biologia (6), Contabilidade (8), Engenharia Ambiental/ Engenharia Florestal/ Engenharia Agrícola/ Agronomia (8), Engenharia Civil (14), Engenharia da Computação/ Informática (5), Engenharia Elétrica/ Engenharia Eletrônica (14), Engenharia Mecânica (12), Engenharia Química/ Química (15), Farmácia (8), Física (5) e Medicina Veterinária (5). A função tinha salário inicial de R$ 5.234,81 por regime de trabalho de 40 horas semanais. O Concurso também foi organizado e coordenado pelo IBFC - veja o edital.

Delegado - Já em 2012 aconteceu a seleção para o cargo de Delegado. A banca organizadora foi a Funcab. A seleção dos candidatos contou, na época, com diversas etapas, sendo elas provas objetivas e discursivas, avaliação de cunho oral, exame psicotécnico, teste de capacidade física, avaliação médica, investigação social, análise de títulos e curso de formação profissional para os aprovados nas fases anteriores.

A prova objetiva aplicada em 2012 contou com 100 questões, divididas em 20 de direito penal, 20 de direito processual penal, 20 de direito administrativo, 20 de direito constitucional, 10 de direito civil e 10 de medicina legal. Para direito civil e medicina legal, cada questão valeu dez pontos, enquanto para as demais disciplinas, cada questão valeu cinco, segundo o edital.

Segundo o portal da transparência do governo do Rio de Janeiro, dos 16.174 servidores do quadro da Polícia Civil do Estado, apenas 9.429 estão ativos. A remuneração média de um servidor da PC-RJ é atualmente de R$ 10.242,68.