Governo define que Banco do Brasil poderá ter até 105 mil empregados em 2020

Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais - SEST fixou número máximo de pessoal no quadro de pessoal do BB. Banco do Brasil tem autonomia para abrir concursos.

Por Adriano Maas

Saiu no Diário Oficial da União desta terça-feira (5) a Portaria Nº 8.813 que estabelece o quantitativo máximo de pessoal do Banco do Brasil S.A. O Secretário de Coordenação e Governança das Empresas Estatais - SEST, Fernando Antônio Ribeiro Soares, assinou o documento.

Segundo a Portaria, o limite máximo do quadro de pessoal próprio do Banco do Brasil (BB) será de 105.774 empregados, envolvendo o quadro próprio e ainda as subsidiárias BB Cartões; BB Consórcios; BB Elo Cartões; BB Banco de Investimento; BB Leasing S.A - Arrendamento Mercantil - BB Leasing S.A e Besc Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários - Bescval - veja a Portaria.

Neste número são contabilizados os empregados com contrato de trabalho suspenso por motivo de aposentadoria por invalidez, os empregados efetivos, admitidos por intermédio de concursos públicos, os empregados que possuem cargos, empregos ou funções comissionadas, os empregados e servidores cedidos e requisitados, os empregados anistiados com base na Lei nº 8.878, de 11.5.1994, os empregados reintegrados, os empregados contratados por prazo determinado e os que estão licenciados por doença, acidente de trabalho ou quaisquer outros motivos de licenças e afastamentos.

O BB tem autonomia para gerenciar seu quadro próprio de pessoal praticando atos de gestão como abertura de concursos para reposição de empregados desligados ou que vierem a se desligar do quadro funcional, observado o limite estabelecido. Mesmo assim, um novo concurso no órgão não tem previsão para abrir, tendo em vista a reestruturação do órgão num mercado cada vez mais digital.

Concurso BB de 2018

O último concurso realizado pelo Banco do brasil ocorreu em 2018 (veja o edital) e teve mais de 127 mil inscritos. A seleção abriu 30 vagas imediatas e formação de cadastro reserva na carreira de Escriturário apenas para cidades de Brasília (DF), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP). A Fundação Cesgranrio coordenou a seleção.

As provas objetivas foram aplicadas nas cidades de Belém-PA, Belo Horizonte-MG, Brasília-DF, Campinas-SP, Curitiba-PR, Fortaleza-CE, Porto Alegre-RS, Recife-PE, Rio de Janeiro-RJ e São Paulo-SP, e tiveram 70 questões de múltipla escolha - 20 de conhecimentos básicos e 50 de conhecimentos específicos; além da redação.

Os aprovados serão convocados para contratação conforme as necessidades do Banco do Brasil S.A, a classificação obtida, e o prazo de validade da seleção, que vai até 03 de julho de 2020.

Escriturário

O cargo de Escriturário exige nível médio completo e tem salário de R$ 2.718,73 por regime de trabalho de 30 horas semanais, mais benefícios como possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional, participação nos lucros ou resultados, vale transporte, auxílio-creche; auxílio alimentação/ refeição de R$ 1.314,00; auxílio a filho com deficiência e previdência privada.

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Edital CRQ-14 2019 é publicado e tem vagas para todos os níveisNível: Fundamental, Médio, Técnico, Superior25/11/201911R$ 2.014,38
Concurso Crefono-5 tem edital publicado com 165 vagasNível: Médio, Superior09/12/2019165R$ 3.816,00
Concurso EBSERH Nacional 2019: Sai edital com 1.660 vagasNível: Médio, Técnico, Superior10/12/20191.660R$ 10.350,46
ACHE SEU CONCURSO
Quer encontrar um concurso público específico?

Nossa busca vai te ajudar a encontrá-lo, basta você preencher alguns campos e pronto.

Buscar concursos
Últimas notícias
Comentários
Minha foto
    Siga nossas redes sociais