14/06/2021
14/07/2021
15/08/2021
R$ 3.631,69
1

Anexos

O executivo municipal de Nova Campina, no estado de São Paulo, abriu um novo concurso público para preencher uma vaga no cargo de Farmacêutico. O emprego exige ensino superior completo em Farmácia, além de habilitação legal para o exercício da profissão. A remuneração será de R$ 3.631,69 com carga horária semanal de 40 horas.

As inscrições somente serão realizadas via internet, no endereço eletrônico www.directacarreiras.com.br, durante o período compreendido entre os dias 14 de junho e 14 de julho de 2021. A taxa de inscrição custa R$ 60,00.

Provas do concurso de Nova Campina-SP

O concurso constará de prova objetiva para todos os candidatos inscritos, de caráter eliminatório e classificatório, com questões de múltipla escolha, visando à capacitação para o cargo. As provas objetivas estão marcadas para o dia 15 de agosto.

A confirmação da data e as informações sobre horários e locais para realização das provas serão divulgadas, oportunamente, única e exclusivamente por edital de convocação, pelo endereço eletrônico www.directacarreiras.com.br.

Atribuições do cargo

  • Auxiliar os gestores e a equipe de saúde no planejamento das ações e serviços de Assistência Farmacêutica na Atenção Básica/Saúde da Família, assegurando a sua integralidade e a sua intersetorialidade;
  • Promover o acesso e o uso racional de medicamentos junto à população e aos profissionais da Atenção Básica/Saúde da Família, por intermédio de ações que disciplinem a prescrição, a dispensação e o uso;
  • Assegurar a dispensação adequada dos medicamentos e viabilizar a implementação da Atenção Farmacêutica na Atenção Básica/Saúde da Família;
  • Selecionar, programar, distribuir e dispensar medicamentos e insumos, com garantia da qualidade dos produtos e serviços;
  • Receber, armazenar e distribuir adequadamente os medicamentos na Atenção Básica / Saúde da Família;
  • Acompanhar e avaliar a utilização de medicamentos e insumos, inclusive os medicamentos fitoterápicos, homeopáticos, na perspectiva da obtenção de resultados concretos e da melhoria da qualidade de vida da população;
  • Subsidiar o gestor, os profissionais de saúde e as ESFs com informações relacionadas à morbimortalidade associados aos medicamentos;
  • Elaborar, em conformidade com as diretrizes municipais, estaduais e nacionais, e de acordo com o perfil epidemiológico, projetos na área da Atenção/Assistência Farmacêutica a serem desenvolvidos dentro de seu território de responsabilidade, entre outras.

A validade do concurso será de dois anos a contar da data de publicação da homologação de seu resultado, prorrogável uma vez, por igual período, a critério da autoridade competente.

Anexos