Concurso DPE-RS 2017 registra 40 mil candidatos e divulga locais de prova

A Defensoria Pública do estado do Rio Grande do Sul promove um grande concurso para cargos de nível médio e superior. A Fundação Carlos Chagas aplica provas no dia 17 de setembro para 107 vagas.

Por: Adriano G. Maas
0
0 share
0 tweets
0 share

Já podem ser consultados os locais de realização das provas do concurso público aberto pela Defensoria Pública do estado do Rio Grande do Sul (concurso DPE-RS 2017). Por meio de seu site, a Fundação Carlos Chagas - FCC divulgou os endereços e horários de realização da avaliação que ocorrerá no próximo dia 17 de setembro - veja os locais.

O Conselho Superior do órgão aprovou no dia 27 de janeiro o regulamento do II Concurso para provimento de cargos do Quadro de Pessoal dos Serviços Auxiliares da DPE. As vagas são para carreiras de Analista e Técnico.

O concurso tem 107 vagas imediatas, mais formação de cadastro reserva, em carreiras de ensino médio e superior. As provas ocorrerão no turno da manhã para Técnicos, com fechamento dos portões às 8h30min e duração de 3 horas; e no turno da tarde para Analistas, com fechamento dos portões às 14h00 e duração de 4h30min. A organizadora informa ainda que é necessário levar documento original de identidade, caneta esferográfica de tinta preta ou azul de material transparente; e não será permitido o uso de lápis, lapiseira, marca-texto ou borracha durante a realização das provas.

No dia 24 de julho, o órgão divulgou a primeira retificação do edital de abertura, alterando os conteúdos das provas para cargos de Analista em várias áreas - veja a retificação.

DPE-RS terá edital para técnico e analista em 2017Segundo a publicação feita pela DPE-RS em Diário Oficial, são 40.614 inscritos no total, sendo 10.536 para Analistas e 30.078 para Técnicos. Veja por área:

Analista - Área Processual - 6.395 inscritos
Analista - Área Contabilidade - 366 inscritos
Analista - Área Economia - 97 candidatos
Analista - Área Administração - 1.027 inscritos
Analista - Área Arquitetura - 283 candidatos
Analista - Área Engenharia Civil - 319 candidatos
Analista - Área Engenharia Elétrica - 146 inscritos
Analista - Área Farmácia - 254 candidatos
Analista - Área Assistente Social - 410 inscritos
Analista - Área Biblioteconomia - 72 candidatos
Analista - Área Arquivista - 80 inscritos
Analista - Área Comunicação Social - 290 inscritos
Analista - Área Psicologia - 337 inscritos
Analista - Tecnologia da Informação/ Infraestrutura e Redes - 179 inscritos
Analista - Tecnologia da Informação/ Banco de Dados - 43 candidatos
Analista - Tecnologia da Informação/ Desenvolvimento de Sistemas - 181 candidatos
Analista - Tecnologia da Informação/ Segurança da Informação - 57 candidatos
Técnico - Área Administrativa - 28.128 inscritos
Técnico - Área Edificação - 462 candidatos
Técnico - Área Informática - 693 inscritos
Técnico - Área Logística - 96 candidatos
Técnico - Área Segurança do Trabalho - 291 inscritos
Técnico - Área Segurança - 408 candidatos

Das 107 vagas, 38 são para Analista Judiciário nas áreas Processual (23), Contabilidade (2), Economia (CR), Administração (3), Arquitetura (CR), Engenharia Civil (1), Engenharia Elétrica (1), Farmácia (1), Assistência Social (CR), Biblioteconomia (CR), Arquivista (CR), Comunicação Social (CR), Psicologia (1), Tecnologia da Informação/ Infraestrutura e Redes (2), Tecnologia da Informação/ Banco de Dados (1), Tecnologia da Informação/ Desenvolvimento de Sistemas (2) e Tecnologia da Informação/ Segurança da Informação (1). O cargo exige graduação correlacionado com a especialidade, se for o caso, e tem remuneração inicial de R$ 5.947,15, mais R$ 464,86 de verba indenizatória. No último padrão de vencimentos, os Analistas recebem R$ 9.527,24.

Para Técnico Judiciário são 69 vagas, sendo 57 na área administrativa, 4 para Técnico em Edificação, 6 para Técnico em Informática, uma para Técnico em Logística, uma para Técnico em Segurança do Trabalho e cadastro reserva para Técnico em Segurança. O cargo exige ensino médio para a área administrativa e ainda curso técnico equivalente, correlacionado com a especialidade nos demais casos. O salário é de R$ 3.243,90, mais R$ 464,86 de gratificação. Após progressão na carreira, o Técnico alcança R$ 5.196,68 no último padrão de vencimentos (15). Todos ainda recebem auxílio-alimentação de R$ 799,00 mensais.

Prepare-se: Apostila de estudo para Técnico e Analista da DPE-RS

Atualmente, há vacância de 50 cargos de Analista e mais de 270 cargos Técnicos no órgão - veja o edital de abertura do concurso.

As inscrições no concurso seguem até as 14 horas do dia 11 de agosto de 2017 (horário de Brasília), pelo endereço eletrônico da FCC - www.concursosfcc.com.br. A taxa de inscrição será de R$ 182,41 para os Cargos de Analista e de R$ 80,00 para técnicos.

O concurso terá prova objetiva para todos os cargos, mais prova discursiva - redação, apenas para os cargos de Analista; e prova de capacidade física, apenas para Técnico da área de Segurança.

A prova objetiva terá 60 questões para todos os cargos envolvendo conteúdos de Conhecimentos Gerais - Língua Portuguesa (15), Raciocínio Lógico-Matemático (5) e Legislação Institucional (10) - e Conhecimentos Específicos (30).

A aplicação das provas objetiva e discursiva será realizada nas cidades de Caxias do Sul, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre, Santo Ângelo e Santa Maria no dia 17 de setembro de 2017 no período da manhã para os cargos de Técnico e no período da tarde para Analistas, todas as áreas. Os locais serão divulgados no dia 6 de setembro.

* A avaliação de títulos e a prova discursiva para técnicos, itens que constavam no projeto básico do concurso, não serão mais realizadas, segundo informado no Diário Oficial de 04 de julho, onde o órgão alega a necessidade emergencial de realização do concurso, que vai ter resultado homologado até o fim de 2017, portanto, sem tempo hábil para realização das etapas.

O concurso terá validade de 2 anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul.

Concurso DPE-RS 2012 - O último concurso da DPE-RS para cargos de Técnico e Analista foi coordenado pela FCC e ocorreu entre o final de 2012 e início de 2013, com provas aplicadas no mês de março. Foram 398 vagas abertas e 65.623 candidatos inscritos. A validade da seleção foi fixada em 1 ano, prorrogada uma vez por igual período, e nesse período mais de 1.000 aprovados tomaram posse nos cargos, sendo 580 apenas no cargo de Técnico da área administrativa e 409 Analistas da área processual.

Avalie esta notícia

Nota:

(4.2/5.0)

Concursos Abertos

Busca avançada de concursos
Concursos Previstos Últimas Notícias
carregando...
JUNTE-SE À DISCUSSÃO
Faça um comentário sobre este assunto
Enviar
  • Edson Zanette Edson Zanette Nível 1 Perg. 0 Resp. 3
    Há 9 meses
    Porque o salário aumentou tão pouco em quase 5 anos?
    0 Responder
  • Nico Santos Nico Santos Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 5 meses
    Estão certos esses valores? \"O salário é de R$ 3.243,90, mais R$ 464,86 de gratificação. Todos ainda recebem auxílio-alimentação de R$ 799,00 mensais.\" ACHO Q ESTÁ ERRADO. É 3.087,63 o Total Líquido. http://transparencia.defensoria.rs.def.br/info-remun/consulta-nominal
    0 Responder
  • Edson Zanette Edson Zanette Nível 1 Perg. 0 Resp. 3
    Há 3 meses
    Esse auxílio-alimentação de R$ 799,00 mensais realmente existe? Se existe, não deve ser integrado ao salário.
    0 Responder