Candidatos aprovados no concurso da PMBA de 2012 cobram nomeações

Grupo de manifestantes habilitados no concurso da Polícia Militar da Bahia se reuniu para cobrar chamadas. Foram cerca de 1.600 aprovados sem nomeação.

Por Mateus Nunes de Paula

Na tarde da última quarta-feira um grupo de manifestantes protestou em frente à Câmara municipal de Salvador para cobrar do governador Rui Costa (PT) as nomeações no concurso público promovido da Polícia Militar da Bahia que foi realizado em 2012.

Uma das habilitadas no concurso,Jamile Santos, integrante do grupo intitulado "Movimento PM Bahia 2012", afirma ter cerca de 1.600 pessoas habilitadas sem nomeação. Afirmou que foram aprovados no concurso em 2012 e este é vigente até 20 de julho de 2020. Foram preteridos no ano de 2017 e agora estão planejando abrir um outro concurso, sendo que há habilitados para chamar. Afirma ainda que foram prejudicados por erros da banca examinadora com questões que não faziam parte do edital de abertura do concurso. A candidata completa dizendo que não se faz necessário a realização de um novo concurso sendo que há excedentes aguardando uma nova convocação.

Foi publicado no Diário Oficial do Estado da Bahia (DOE) que em julho desse ano seria realizado novo concurso da PM-BA. A oferta será de 2 mil vagas para o posto de soldado. O anúncio foi feito no mês de abril e o governador ainda afirmou que serão chamados os primeiros 1.000 candidatos aprovados para treinamento e após a capacitação da primeira turma os outros 1.000 serão convocados.

Concurso PM-BA 2019: Governo anuncia 2 mil vagas

Além disso, o último concurso da Polícia Militar da Bahia havia sido realizado em 2017 e foram ofertadas 2 mil vagas, sendo 1.819 para homens e 181 para mulheres. As vagas foram disputadas por mais de 123 mil pessoas. A organização desse concurso ficou por conta do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
TRF3 estuda possibilidade de realizar concurso público em 2019Nível: Médio, Técnico, Superior02/10/20199R$ 12.455,30
Prefeitura de Uberlândia-MG escolhe banca para concurso público em 2019Nível: Fundamental, Médio, Técnico, Superior11/10/20191.778R$ 3.032,76
Concurso FUNDAC-PB 2019 é anunciado pelo GovernadorNível: Médio, Técnico07/10/2019400R$ 1.617,20
Concurso do IFRR para técnicos administrativos em 2019 terá IDECAN como bancaNível: Médio, Técnico, Superior29/09/201960R$ 9.616,18
ACHE SEU CONCURSO
Quer encontrar um concurso público específico?

Nossa busca vai te ajudar a encontrá-lo, basta você preencher alguns campos e pronto.

Buscar concursos
Últimas notícias
Comentários
Minha foto
  • Minha foto
    Bruna Santos    •    1 mês

    Concurso tem um prazo de dois anos, prorrogável uma vez, por igual período! Deveriam ter recorrido antes desse prazo e não agora! Não venha com essa de que não há necessidade de haver um novo concurso! Deveria ter estudado para o de 2017 então!

  • Minha foto
    Diego Tanan    •    1 mês

    Dos dois mil praças e bombeiros convocados em março deste ano, 1.064 foram considerados aptos e vão iniciar o Curso de Formação de Soldados no dia 29 de junho. A PM informou ainda que 5.695 candidatos foram convocados por meio do concurso de 2012.

    esse protesto la sem nenhuma precedência!



    http://g1.globo.com/bahia/noticia/2015/06/aprovados-em-concurso-de-2012-da-pm-sao-convocados-na-bahia-confira.html

  • Minha foto
    Diego Tanan    •    1 mês

    O prazo de validade do Concurso será de 01 (um) ano, contado da data da Homologação,
    podendo antes de esgotado, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da
    Administração, por ato expresso do Secretário da Administração do Estado da Bahia e do
    Comandante Geral da Polícia Militar do Estado da Bahia. e agora que pessoa vem revindicar? depois que ja teve outro concurso?

  • Minha foto
    Diego Tanan    •    1 mês

    Isso era para eles revindicar no concurso 2017! concurso 2012 prazo 2 anos podendo revoga por mas 2 anos ou seja limite ate 2016! por que agora 7 anos depos

  • Minha foto
    Rodrigo Gonzalez Brandão    •    1 mês

    Vários candidatos entraram na justiça por conta das questões erradas, foram reclassificados recentemente é não foram convocados para dar sequência a outras etapas do concurso

  • Minha foto
    Diego Tanan    •    3 semanas

    mas eles ficaram entre as vagas disponível? questão é seguinte se tem 2 mil vaga pode ser 3 mil aprovados mas só chama os 2000 colocados fechando o numero de vaga! e outra questão eles vieram revindicar depois do concurso 2017 que os aprovado estão atuando!

  • Minha foto
    Rodrigo Souza    •    1 mês

    Entra na justiça pó. A justiça só serve para quem às provoca. Simples assim

  • Minha foto
    Junior Albuquerque    •    1 mês

    Acontece que eles já perderam o direito de entrarem na justiça, não há o que ser reivindicado. Esse concurso já venceu o prazo de validade...

  • Minha foto
    Rodrigo Souza    •    1 mês

    Pois é mano. E tbm não tem esse de não ser nomeado. Se fez todas etapas e deu tudo certo, o Estado é obrigado a chamar. Mas acho que esses caras nem fizeram o TAF e tão resmungando.

Siga nossas redes sociais