Governo anuncia gratificação de R$ 667 a profissionais de saúde do SUS

Auxílio de R$ 667 será pago a profissionais da saúde que ajudarem no combate ao coronavírus. Presidente Jair Bolsonaro anunciou medida nesta manhã.

Por Adriano Maas

O Governo Federal vai dar uma bonificação de R$ 667,00 por 6 meses a todos os profissionais de saúde residentes que atuarem no combate ao coronavírus (COVID-19) no país. A bolsa valerá para médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos, terapeutas ocupacionais, educadores físicos, psicólogos e outros profissionais da área que atuarem no Sistema Único de Saúde - SUS.

O anúncio foi feito pelo presidente Jair Bolsonaro pelo Twitter nesta sexta-feira (3). Veja:

O Ministério da Saúde ainda não informou como será feito esse pagamento e como os profissionais poderão se cadastrar para receber a bonificação. Estas informações deverão ser publicadas nos próximos dias.

O Brasil Conta Comigo - Profissionais da Saúde

A iniciativa faz parte da Ação Estratégica anunciada pelo governo e entitulada de "O Brasil Conta Comigo - Profissionais da Saúde", criada pelo Ministério da Saúde, considerando a emergência em saúde pública decorrente da Covid-19 e irá durar enquanto o estado de emergência de saúde pública permanecer.

O Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse ainda que "Estamos começando a construir agora esse cadastro e focando primeiro nos profissionais de saúde que têm disponibilidade e que querem contribuir e enfrentar de peito aberto, indo para os estados onde houver maior necessidade para reforçar equipes médicas em todo o Brasil. Por enquanto, estamos apenas cadastrando para saber, repito, quem pode, quem quer e quem tem disponibilidade para ajudar os estados".

Os conselhos das áreas de saúde deverão enviar ao Ministério da Saúde os dados dos respectivos profissionais e solicitar aos profissionais registrados que realizem o cadastramento no endereço eletrônico da DATAPREV: dataprev.gov.br e manter ainda as informações atualizadas, esclareceu o ministro.

O Ministério da Saúde já havia publicado no dia 2 de abril uma portaria para cadastrar profissionais da saúde numa capacitação emergencial para trabalhar no SUS para combate ao Coronavírus. A possibilidade convocação desses trabalhadores estava prevista na lei 13.979/2020, que aborda as medidas a serem adotadas durante a emergência de saúde pública. A Lei já previa um "pagamento posterior de indenização justa", anunciado pelo presidente.

Conforme a Portaria Nº 639 publicada no Diário Oficial da União de 2 de abril, veja a lista das áreas profissionais que poderão ser convocadas a prestar serviços no SUS:

  • Serviço social
  • biologia
  • biomedicina
  • educação física
  • enfermagem
  • farmácia
  • fisioterapia e terapia ocupacional
  • fonoaudiologia
  • medicina
  • medicina veterinária
  • nutrição
  • odontologia
  • psicologia
  • técnicos em radiologia

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais