10/11/2019
20/11/2019
22/12/2019
R$ 2.593,80
211

Anexos

Até o dia 20 de novembro, a Prefeitura de Feira de Santana, estado da Bahia, recebe inscrições para interessados em participar da seleção municipal que irá preencher 211 vagas e formar cadastro de reserva em empregos de todos os níveis de escolaridade sob o Regime Especial de Direito Administrativo - REDA.

As vagas são destinadas exclusivamente a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e há reserva de 5% para pessoas portadoras de necessidades especiais e 20% ficam para candidatos afrodescendentes ou indígenas e 30% para os candidatos oriundos de escola pública ou bolsista de escola particular.

As vagas são para ingresso nos cargos de:

  1. Auxiliar de Cuidador
  2. Motorista
  3. Cuidador
  4. Orientador Social
  5. Agente Administrativo
  6. Técnico de Nível Médio
  7. Educador Social
  8. Assistente Social
  9. Psicólogo
  10. Advogado
  11. Pedagogo
  12. Educador Físico
  13. Nutricionista
  14. Administrador
  15. Economista
  16. Contador
  17. Graduado em Libras
  18. Coordenador
  19. Antropólogo
  20. Sociólogo
  21. Psicólogo
  22. Terapeuta Ocupacional
  23. Músico.

A Prefeitura oferece salários entre R$ 1.100,00 e R$ 2.593,80 por jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Inscrição

As inscrições poderão ser realizadas até as 23h59min do dia 20 de novembro de 2019, pela internet, por meio do endereço eletrônico concursos.institutobahia.org.br. A taxa de inscrição custa R$ 30,00 para cargos que pedem formação em nível fundamental e R$ 40,00 para cargos de nível médio e superior.

Provas

As provas objetivas serão aplicadas para todos os cargos no dia 22 de dezembro, sendo os candidatos convocados por meio do Diário Oficial do Município de Feira de Santana e no site concursos.institutobahia.org.br.

As provas objetivas terão de 40 a 60 questões sobre conteúdos de Língua Portuguesa, Matemática Básica, Conhecimentos em Informática, Noções de Gestão pública e coordenação de equipes, Arquivologia e Conhecimentos Específicos, dependendo do cargo pretendido. Veja mais das provas no edital anexo.

Para a função de Técnico de Nível Superior Coordenador haverá ainda prova discursiva que valerá 40 pontos, avaliando critérios de Coerência, Concordância e gramática, Conhecimento Técnico e Resolução do problema apresentado. Só será corrigida a Prova Discursiva dos candidatos que atingirem a pontuação mínima de 50% na prova objetiva. As provas serão aplicadas em dois turnos, conforme cita a tabela do Anexo III do Edital.

A validade da seleção pública será de dois anos contado da data de sua homologação, podendo ainda ser prorrogada uma única vez, por igual período, a critério e por ato expresso do Chefe do Poder Executivo.

Anexos