PC-RS divulga resultado das provas oral e de títulos para Delegado

Polícia Civil do Estado do Rio Grande do Sul (PC-RS) publicou no DOE desta quinta, 25, o resultado das etapas. Certame visa preencher 100 vagas no cargo de Delegado, função que exige nível superior e tem salário de R$ 20.353,06.

Por Jéssica Keroláine Imhoff
Abertura inscrições 26/02/2018 Data da prova 20/05/2018 Total de vagas 100
Encerra inscrições 27/03/2018 Gabaritos em 22/05/2018 Salários até R$ 20.353,06

A Polícia Civil do Estado do Rio Grande do Sul publicou no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira, 25 de abril o resultado da Prova Oral e da Prova de Títulos do Concurso Público de Ingresso na Carreira de Delegado de Polícia - veja os resultados. O documento foi publicado também pela Fundatec, que coordena o concurso.

O candidato que desejar interpor recurso contra etapa oral e de títulos, deverá preencher um formulário (publicado no DOE desta quinta, 25), no período de 26 de abril de 2019 a 30 de abril de 2019. Os recursos deverão ser enviados à ACADEPOL, através do e-mail acadepol-recursos@pc.rs.gov.br, em formato PDF, com todos os campos do formulário preenchidos. Confira mais no edital do concurso e no site da Fundatec.

Já o candidato que desejar ter acesso à filmagem de sua Prova Oral deverá comparecer pessoalmente a Academia de Polícia Civil nos dias 25 e 26 de abril de 2019, no período de 9 horas às 11 horas e das 14 horas às 16 horas, munido de documento de identidade original, e de 01 (uma) mídia gravável do tipo DVD-R, vazia, para a gravação dos respectivos arquivos. A retirada da filmagem da Prova Oral não é requisito para a apresentação do recurso de revisão do resultado dessa prova.

Não será aceito recurso referente à Prova Oral e da Prova de Títulos em desacordo com a forma descrita ou fora do prazo estabelecido no edital.

Certame contou com 16.039 candidatos concorrendo a 100 vagas na carreira de Delegado de Polícia. Certame contou com 16.039 candidatos concorrendo a 100 vagas na carreira de Delegado de Polícia.

Sobre o concurso

A Polícia Civil do Estado do Rio Grande do Sul (PC-RS) contou com 16.039 candidatos inscritos no certame disputando a 100 vagas na carreira de Delegado de Polícia. Sendo 2.359 disputando as 16 vagas reservadas para candidatos negros e 222 inscritos para as vagas reservadas a candidatos com deficiência.

A função de Delegado exige diploma de bacharel em Direito, expedido por escola oficial ou reconhecida e devidamente registrada no Ministério da Educação, além de atividade jurídica ou policial, pelo período mínimo de três anos (até a data da matrícula no curso), além de Carteira Nacional de Habilitação na categoria 'B', entre outros requisitos.

Os Delegados têm vencimentos de R$ 20.353,06, por jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Dentre as atividades do Delegado de Polícia estão presidir inquéritos policiais, termos circunstanciados e autos de prisão em flagrante; apreender objetos e requisitar perícias em geral para a formalização da prova criminal; cumprir e fazer cumprir mandados de prisão; dirigir e orientar a investigação criminal e todos os atos de polícia judiciária de uma Delegacia de Polícia ou qualquer outro órgão policial; elaborar relatórios e representar pela decretação judicial de prisões cautelares; proceder a sindicâncias administrativas, processos administrativos disciplinares; expedir e fiscalizar a emissão de documentos públicos de sua competência; gerenciar o órgão policial em que estiver lotado, em conformidade com as normas e princípios que regem a Administração Pública. Podem se inscrever candidatos graduados em Direito que tenham pelo menos três anos de atividade jurídica e carteira de habilitação de categoria mínima B.

Etapas de avaliação

O concurso contou com diversas etapas de avaliação, sendo:

- Provas de Capacitação Intelectual;
- Prova de Capacitação Física;
- Sindicância da Vida Pregressa e Atual;
- Exames de Saúde;
- Avaliação da Aptidão Psicológica;
- Prova Oral;
- Prova de Títulos;
- Curso de Formação Profissional.

A prova de capacitação intelectual aconteceu no dia 20 de maio. A prova foi dividida em duas partes e executada em dois turnos, na mesma data, da seguinte forma:

- Primeira Parte: será destinada à verificação de conhecimentos da Língua Portuguesa, constituindo-se de 40 questões objetivas, com duração máxima de três horas;

- Segunda Parte: será destinada à verificação de conhecimentos jurídicos, constituindo-se de 80 questões objetivas, com duração máxima de quatro horas. As questões serão divididas em 20 questões de Direito Penal, 20 questões de Direito Processual Penal, 10 questões de Direito Administrativo, 10 questões de Direito Constitucional, 5 questões de Direito Civil, 5 questões de Direitos Humanos, 5 questões de Medicina Legal Judiciária e 5 questões de Criminologia.

A validade do concurso público para nomeação dos aprovados será de dois anos, a contar da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado uma única vez por igual período.

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Prefeitura de Candeias-BA suspende provas de concurso públicoNível: Fundamental, Médio, Técnico, Superior30/08/2019189R$ 13.000,00
Prefeitura de Cachoeira do Sul -RS anuncia concurso para nível médioNível: Médio, Técnico, Superior18/09/20192R$ 2.962,52
Câmara de Fortaleza-CE forma comissão para concurso públicoNível: Médio, Superior30/08/201931R$ 4.182,48
Concurso TJ-AM 2019 deve ter Cebraspe como bancaNível: Médio, Superior21/08/2019160R$ 8.936,96
ACHE SEU CONCURSO
Quer encontrar um concurso público específico?

Nossa busca vai te ajudar a encontrá-lo, basta você preencher alguns campos e pronto.

Buscar concursos
Últimas notícias
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais