Polícia investiga concurso do TJCE após denúncia de candidatos

Candidatos ficaram sem o caderno de provas e registraram Boletim de Ocorrência na Delegacia de Fortaleza. FGV e TJCE estão analisando o caso.

Por Adriano Maas

O concurso do Tribunal de Justiça do Ceará, que teve provas aplicadas no último domingo (15) está sob investigação após uma possível suspeita de fraude. Em matéria veiculada pelo jornal Diário do Nordeste, candidatos que se sentiram prejudicados formalizaram denúncia sobre a falta de lisura do certame. A Polícia Civil do Estado do Ceará está investigando uma possível fraude.

Um grupo composto por sete pessoas se negou a fazer a avaliação devido a um problema na logística durante a entrega das provas. Segundo os candidatos, não haviam provas suficientes para todos e, posteriormente, elas foram repostas pelos fiscais. Entretanto, o novo envelope de provas chegou sem o lacre.

Uma das prejudicadas de ter ficado sem a prova, Gessiane de Oliveira Silva, disse que na sala, onde haviam 40 pessoas, ela se manifestou. "Eu puxei o coro e disse 'não vou fazer esta prova, pois ela está violada'. Então nós exigimos a presença da Polícia Civil, do Ministério Público e do TJCE", relatou. Segundo ela, representantes da Fundação Getúlio Vargas (FGV), organizadora do concurso tentaram convencer o grupo a seguir com a prova, que se recusou.

De acordo com a estudante Jose Nóbrega, outra candidata que denuncia o caso, a organização não se prontificou a dar soluções para o impasse: "Eles pediram para a gente sair e nos acompanharam até os portões. Deu a sensação de que a gente estava fazendo algo ilícito", lamentou.

O TJCE afirmou, por meio de nota, que "vai apurar junto à organizadora do concurso, a FGV, o que ocorreu pela manhã em uma das salas de prova". Na parte da tarde, a etapa do concurso para o cargo de técnico judiciário da área administrativa, transcorreu normalmente na Capital.

Os gabaritos preliminares das provas estão previstos para divulgação nesta terça-feira, 17 de setembro. O concurso registrou 50.066 inscritos, 35.732 concorrendo a 7 vagas imediatas mais as 280 do cadastro reserva para o cargo de Técnico Judiciário - Área Judiciária, com lotação em cidades do interior do estado; e outros 14.334 inscritos para uma vaga imediata mais 40 em CR para Técnico Judiciário - Técnico Administrativo na capital. Os cargos exigem ensino médio completo quando da posse e a remuneração inicial oferecida é de R$ 5.077,45.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) o caso segue em apuração. A pasta informa que na tarde de ontem, oitivas foram realizadas com os candidatos e representantes da FGV. A organizadora ainda não se manifestou sobre o ocorrido.

Com informações do Diário do Nordeste

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Concurso TJ-RS Oficial de Justiça 2019 tem inscrições abertasNível: Médio05/11/20193R$ 9.305,55
Concurso DEAP-SC abre inscrições no dia 14 de outubro pela FEPESENível: Superior13/11/2019600R$ 3.993,82
Prefeitura de Chuí-RS divulga banca para concurso públicoNível: Fundamental, Médio, Técnico, Superior25/10/201979R$ 2.367,13
Edital ALEPI 2019 é publicado e tem 41 vagas de até R$ 4 milNível: Médio, Técnico, Superior06/11/201941R$ 4.068,39
ACHE SEU CONCURSO
Quer encontrar um concurso público específico?

Nossa busca vai te ajudar a encontrá-lo, basta você preencher alguns campos e pronto.

Buscar concursos
Últimas notícias
Comentários
Minha foto
    Siga nossas redes sociais