01/11/2021
20/12/2021
13/03/2022
R$ 21.947,82
20

Anexos

Está em andamento o concurso público do Tribunal de Contas da União (concurso TCU 2021). O órgão divulgou por meio do Diário Oficial da União na madrugada de 29 de outubro, o documento nº 01/2021 com as normas de realização do esperado concurso para admissão de servidores no cargo de Auditor Federal de Controle Externo.

São 20 vagas abertas e ainda cadastro reserva para lotação apenas na cidade de Brasília, Distrito Federal. As inscrições foram até dia 20 de dezembro.

- TCU: o conteúdo que você precisa para a sua aprovação está na Reinvenção 2022

Poderão participar do concurso candidatos que tenham curso de nível superior em qualquer área de formação. A remuneração inicial do cargo é de R$ 21.947,82 por jornada de trabalho de 40 horas por semana.

O concurso será realizado sob a responsabilidade da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e o edital reserva ainda 5% das vagas para as pessoas com deficiência (1) e 20% para os candidatos negros (4), conforme leis federais aprovadas sobre o tema.

Prepare-se: Apostila de estudo para concurso do TCU

Inscrição no TCU

As inscrições no concurso podem ser feitas pelo site da FGV: https://conhecimento.fgv.br/concursos/tcu21 até as 16h do dia 20 de dezembro de 2021.

A taxa de inscrição está fixada em R$ 180,00 e o pagamento deverá ser feito até o dia 21 de dezembro.

Provas do TCU em março de 2022

Os candidatos passarão pelas seguintes etapas de avaliação nesta nova seleção:

  • Prova objetiva de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Programa de formação, de caráter eliminatório, com duração mínima de 120 horas.

A prova objetiva será realizada das 13h às 18h do dia 13 de março de 2022, em todas as capitais do País.

Os locais para realização da prova objetiva serão divulgados no endereço eletrônico https://conhecimento.fgv.br/concursos/tcu21 após a homologação das inscrições.

Como será a prova objetiva

A prova objetiva será composta por 100 questões com 5 alternativas cada (múltipla escolha), valendo um ponto cada questão e totalizando 100 pontos. A prova será dividida em dois blocos de conhecimentos gerais e específicos, sendo:

Conhecimentos Gerais (50 pontos)

Bloco I

  • Língua Portuguesa
  • Língua Inglesa
  • Matemática Financeira
  • Controle Externo
  • Administração Pública

Bloco II

  • Direito Constitucional
  • Direito Administrativo
  • Direito Civil
  • Direito Processual Civil
  • Sistema Normativo Anticorrupção

Conhecimentos específicos (50 pontos)

Bloco I

  • Estatística
  • Análise de Dados

Bloco II

  • Auditoria Governamental
  • Contabilidade do Setor Público
  • Análise das Demonstrações Contábeis
  • Administração Financeira e Orçamentária
  • Economia do Setor Público

Já a prova escrita discursiva será constituída da seguinte forma:

  • Duas questões discursivas de conhecimentos gerais a serem respondidas em até 20 linhas cada, valendo 15 pontos cada;
  • Duas questões discursivas de conhecimentos específicos a serem respondidas em até 20 linhas cada, valendo 15 pontos cada;
  • Uma redação de peça de natureza técnica a ser elaborada em até 50 linhas, valendo 40 pontos.

A prova discursiva deverá ser manuscrita de forma legível, sendo obrigatório o uso de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, fabricada em material transparente. A prova discursiva ocorrerá das 13h às 18h na data prevista de 22 de maio de 2022, em todas as capitais do país, nos locais ainda a serem divulgados.

Os gabaritos e resultados, bem como o espelho de correção e o resultado preliminar da prova discursiva serão divulgados pela FGV.

O prazo de validade do concurso será de 2 anos após a publicação da homologação do resultado final no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado ainda por igual período e chegar a 4.

Anexos