03/08/2020
05/08/2020
10/08/2020
R$ 6.373,04
1
10/08/2020

Anexos

No estado do Rio Grande do Sul, a Prefeitura de Giruá abriu processo seletivo simples que vai preencher uma vaga no cargo de Psicólogo para lotação na Secretaria Municipal de Saúde. A função exige nível superior e habilitação na área. O salário é de R$ 6.373,04, por carga horária semanal de 40 horas.

As inscrições poderão ser realizadas nos dias 03, 04 e 05 de agosto de 2020, das 08h30min as 12h na Secretaria Municipal de Administração, R. Independência, nº90, Centro, Giruá-RS. No ato da inscrição o candidato obrigatoriamente deverá apresentar cumulativamente, os seguintes documentos:

  • Cópia xerográfica da Cédula de Identidade e CPF;
  • Cópia xerográfica do Diploma ou Certificado de Conclusão de Ensino Superior em psicologia;
  • Cópia xerográfica do Registro no respectivo Conselho Profissional.

A referida seleção pública será realizada por meio de prova objetiva. A prova será aplicada no dia 10 de agosto de 2020, das 14hs às 16hs, na Secretaria Municipal de Trabalho e Cidadania, Rua Dr. Bozano, nº 32, Centro, Giruá-RS.

O candidato deverá comparecer ao local designado para prestar a prova objetiva com antecedência de 15 minutos do horário estabelecido para o início da mesma. O gabarito será divulgado no dia 10 de agosto de 2020, até as 17 horas, no Mural da Prefeitura (Imprensa Oficial do Poder Executivo = LM nº 4085/09), e no site www.girua.rs.gov.br, no link concursos e seleções públicas.

São atribuições do cargo

  • Realizar psicodiagnósticos para fins de ingresso, readaptação e avaliação das condições pessoais do servidor;
  • Proceder a análise de funções sob o ponto de vista psicológico;
  • Proceder o estudo a avaliação dos mecanismos de comportamento humano para possibilitar a orientação a seleção e ao treinamento atitudinal no campo profissional e o diagnóstico e terapia clínicas;
  • Fazer psicoterapia breve, ludoterapia individual e grupal, com acompanhamento clínico;
  • Fazer exames de seleção em crianças, para fins de ingresso em instituições assistenciais, bem como para contemplação com bolsa de estudo;
  • Prestar atendimento breve a pacientes em crise e a seus familiares, bem como a alcoolistas e toxicômanos;
  • Atender crianças excepcionais, com problemas de deficiência mental e sensorial, ou portadoras de desajustes familiares ou escolares encaminhando-os para escolas ou classes especiais;
  • Formular hipóteses de trabalho, para orientar nas explorações psicológicas, médicas e educacionais;
  • Realizar psicopedagógicas;
  • Confeccionar e selecionar o material psicopedagógico e psicológico necessário ao estudo dos casos;
  • Realizar perícias e elaborar pareceres;
  • Prestar atendimento psicológico a gestantes, as mães de criança até a idade escolar e a grupos de adolescentes em instituições comunitárias do Município;
  • Manter atualizado o prontuário de cada caso estudado;
  • Responsabilizar-se por equipes auxiliares necessárias a execução das atividades próprias do cargo;
  • Executar tarefas afins.

Anexos