Hoje em dia é difícil imaginar uma vida sem o Google (principalmente pelas novas gerações), mas um mundo 100% offline não é tão distante. A história de uma das gigantes de tecnologia, e que revolucionou o mercado online, começou em 1995 - há apenas 25 anos. Lá atrás, a história do Google teve início na Universidade de Stanford, com a parceria entre Larry Page e Sergey Brin.

De lá para cá, não há nem como mensurar os marcos da companhia, que hoje emprega mais de 60 mil funcionários em 50 países diferentes, desenvolvendo centenas de produtos que são usados por bilhões de pessoas em todo o mundo - do YouTube e Android até o Gmail e a própria pesquisa do Google. Para manter as produções no ritmo e expandir a empresa cada dia mais, a companhia ainda investe na contratação constante de novos colaboradores.

Em outubro de 2020, são 16 oportunidades de emprego em território brasileiro, além de um programa de contratação de pessoas PcD. As vagas são, especialmente, para cargos de liderança e gerenciamento, distribuídas no Estado de São Paulo e, no caso do programa, em Minas Gerais. Abaixo, confira as vagas disponíveis, benefícios oferecidos e saiba como se candidatar.

Vagas abertas no Google Brasil

Na área de gerenciamento há vagas de Gerente de parceiros, Telco, Google Cloud (São Paulo/SP), que é o principal gerente de relacionamento dos parceiros de telecomunicações do Google Cloud; Gerente de Programa Técnico, Operações de Colocação de Data Center (São Paulo/SP), profissional envolvido em quase todos os aspectos das operações de infraestrutura elétrica, de refrigeração e de TI; e, Gerente de programa de entrega de serviço (São Paulo/SP), responsável por supervisionar os principais programas de implantação, trabalhando com equipes de operações para criar planos viáveis.

Ainda no Google, há oportunidades nos cargos de Diretor, sucesso do cliente, Google Cloud (São Paulo/SP), que atua para construir, crescer e liderar a organização de sucesso do cliente do Google Cloud na região da América Latina; Chefe de Geo, Global Product Partnerships (São Paulo/SP), que desempenha a função de liderança, supervisionando as Parcerias de Geoprodutos na LATAM em um conjunto muito diversificado de países; Chefe do Google Cloud Partners (São Paulo/SP), profissional voltado à construção do ecossistema de negócios de parceiros no Brasil e no Chile; e, Consultor de infraestrutura em nuvem, Google Cloud Professional Services (São Paulo/SP), trabalhando diretamente com os clientes mais estratégicos do Google em projetos de infraestrutura que transformam os negócios.

A empresa ainda disponibiliza vagas no Programa de Contratação de Pessoas com Deficiência (São Paulo/SP, Belo Horizonte/MG). Nesta aplicação, é necessário incluir a documentação de uma deficiência reconhecida nos termos da Lei Brasileira combinada com o currículo para criar um anexo em PDF.

Para se candidatar às vagas, é necessário acessar a área do Google Carreiras, utilizando o filtro de localização "Brasil". Ainda é possível, caso deseje, filtrar as vagas por área, habilidades e qualificações, grau de escolaridade, tipos de trabalho (como efetivo e estágio) e organizações do Google.

Algumas vagas exigem que sejam enviados currículos apenas em inglês, afirmando que a empresa avaliará apenas as inscrições encaminhadas neste idioma. As atividades descritas acima são apenas uma parte das funções atribuídas a cada profissional. Na expansão de cada vaga, é possível conferir as qualificações mínimas, qualificações preferidas, informações sobre o trabalho, todas as responsabilidades e atividades, além da localização.

O próprio Google afirma que benefícios e vantagens oferecidos variam de acordo com a região de oferta da vaga. No entanto, são elencados como alguns benefícios:

  • políticas de licença parental
  • planos de poupança para aposentadoria
  • assistência médica
  • serviços de saúde e bem-estar no local, incluindo médicos, quiropraxia, fisioterapia e serviços de massagem (em alguns locais)
  • academias, cafés e micro cozinhas
  • flexibilidade na jornada de trabalho, consultoria financeira e oportunidades de desenvolvimento pessoal e profissional.

Os salários não são disponibilizados pela empresa por meio do site, mas devem ser informados aos candidatos na segunda etapa da contratação, a entrevista. Segundo o próprio Google, há duas formas de entrevista: por telefone ou pelo Google Meet, quando o candidato conversa com um possível colega ou gerente, por até 60 minutos; e, pessoalmente, quando se encontra com quatro Googlers - alguns colegas de equipe em potencial e outros interfuncionais - por cerca de 30 a 45 minutos cada.