Concurso MP-PE 2018: Edital para Técnicos e Analistas é divulgado pela FCC

Secretaria Geral do órgão divulga o edital de abertura do concurso público para 23 vagas em cargos de nível médio e superior. As inscrições abrem em outubro.

Por:
0
0 share
0 tweets
0 share

Por meio do Diário Oficial do órgão, a Secretaria Geral do Ministério Público de Pernambuco anunciou a abertura do novo concurso público para ingresso de servidores em 2018 (concurso MP-PE). São ofertadas 23 vagas imediatas, mais cadastro reserva, nas carreiras de Técnico Ministerial (13) e Analista Ministerial (10). A FCC é quem coordena a seleção, contratada por meio de dispensa de licitação divulgada no Diário Oficial do MP de 13 de setembro.

Edital MP-PE 2018 para Técnicos e Analistas é divulgado pela FCCPara Analista Ministerial, de nível superior, há vagas nas áreas Jurídica (7), Auditoria (1), Biblioteconomia (1), Documentação (1), Serviço Social (CR), Arquitetura (CR), Medicina (CR), Engenharia Civil (CR), Jornalismo (CR), Informática (CR) e Pedagogia (CR). O salário da carreira é de R$ 4.809,54.

Já para Tecnico Ministerial são 13 vagas na área Administrativa com requisito de ensino médio completo e remuneração de R$ 3.171,52. Todos terão jornada de trabalho de 30 horas semanais.

As inscrições serão aceitas por meio do site da Fundação Carlos Chagas - FCC de 1º de outubro a 26 de outubro, em http://www.concursosfcc.com.br/. As taxas serão de R$ 110,00 para Analista e de R$ 75,00 para Técnico.

Prepare-se: Apostila de estudo para cargos do MP-PE

As provas do concurso estão previstas para acontecer no dia 2 de dezembro na cidade do Recife-PE. Todos os candidatos serão avaliados por prova objetiva com 50 questões de conhecimentos básicos e específicos, além de prova discursiva - redação. Haverá ainda Avaliação de Títulos para os cargos de nível superior - Analista Ministerial.

A validade do concurso será de 2 anos para convocação dos aprovados, podendo ser estendida por mais 2.

veja o edital do concurso MP-PE 2018

Devido a alta demanda de trabalho, atualmente as promotorias e vários setores administrativos da Instituição pleiteiam mais vagas no novo concurso, um indício de que mais convocações além do número de vagas anunciadas (23) serão preenchidas. O concurso também servirá para formação de um cadastro de reserva para ingressos em futuras vagas. Atualmente, existem 17 servidores no MPPE já em condições de aposentadoria. A sugestão da Secretaria Geral é que o concurso não seja regionalizado, não restringindo a remoção de servidores durante o estágio probatório. A realização de um exame psicotécnico nos candidatos, em uma das fases da disputa, também seria importante. "O concurso público para preenchimento do quadro efetivo é uma necessidade, mesmo diante da iminência do redimensionamento de pessoal a ser proposto pela Comissão de Estruturação das Promotorias e Procuradorias de Justiça", avaliou o secretário-geral do MPPE, o promotor de Justiça Alexandre Augusto Bezerra.

Anterior

O último concurso público para servidores do MPPE ocorreu em 2012, também pela Fundação Carlos Chagas - FCC, e teve provas aplicadas nas cidades de Recife, Caruaru e Petrolina. Foram oferecidas 38 vagas em cargos de nível médio (Técnico) e superior (Analista). Os cargos de nível superior envolveram as áreas de arquitetura, ciências contábeis, comunicação social-jornalismo, engenharia civil, informática, jurídica, psicologia e serviço social. O concurso foi válido até 12 de julho de 2016 - veja o último edital.

Atualmente, o quadro de pessoal do Ministério Público de Pernambuco conta com 690 servidores ativos e, do total de cargos no órgão, 205 vagaram nos últimos 7 anos.

Técnico Ministerial

O último concurso para Técnico Ministerial abriu vagas na área administrativa, com requisito de certificado de conclusão de curso de Ensino Médio; e ainda para apoio especializado nas áreas de Contabilidade, Eletrônica, Telecomunicações e Informática com exigência de ensino médio e certificado de conclusão de curso técnico na área. O salário inicial do cargo é de R$ 3.049,54.

As provas aplicadas na última seleção tiveram 60 questões, sendo 30 de conhecimentos básicos e 30 de conhecimentos específicos.

Analista Ministerial

A carreira exige nível superior na área do cargo. A última seleção teve vagas para especialidades de Arquitetura; Ciências Contábeis; Comunicação Social - Jornalismo; Engenharia Civil; Informática; Jurídica; Psicologia e Serviço Social. A remuneração inicial da carreira é de R$ 4.624,56.

Veja as progressões salariais nas carreiras do MP-PE:

Salários de Técnicos e Analistas do Ministério Público de Pernambuco

Com informações da assessoria de imprensa do MP-PE

Avalie esta notícia

Nota:

(4.6/5.0)

Concursos Abertos

Busca avançada de concursos
Concursos Previstos Últimas Notícias
carregando...
JUNTE-SE À DISCUSSÃO
Faça um comentário sobre este assunto
Enviar
  • Hermes Silva Hermes da Silva Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 ano
    nada a declarar
    0 Responder
  • Luiz Lopes Luiz Lopes Nível 1 Perg. 0 Resp. 1
    Há 1 mês (EDITADO)
    ............O Estado altíssimo arrecadador de altíssimos impostos da sociedade brasileira , pagando três salários-mínimos a servidores que representam uma Instituição que defende os interesses legítimos da sociedade, do povo. Compare os salários com as carreiras do Judiciário Federal, com das Assembléias Legislativas e Congresso Nacional, dos Cargos Comissionados do Estado de Pernambuco e de sua Classe Política... Um disparate. Logo Pernambuco, um Estado com melhor desempenho econômico no Nordeste. Só uma REVOLUÇÃO é capaz de colocar esse País no lugar. Estamos no fundo do poço e não sabemos. Enquanto isso, METADE de nosso PIB Nacional é dilapidado pelo pagamento de JUROS (repita-se somente juros) da DÍVIDA PÚBLICA INTERNA E EXTERNA. Some-se a isso a corrupção crônica e sistemática em todos os níveis de Governo.....Um Ministério Público achatado, tímido e mal remunerado é o interesse das Classes Dominantes dos Senhores do Mundo. Eis aí o nosso Brasil que vai pra frente....
    0 Responder