Concurso Polícia Federal (PF) 2020: Cronograma vaza e edital pode sair em outubro

Novo concurso da Polícia Federal já foi enviado ao Ministério da Economia para aval. Editais podem sair em outubro e novembro.

Por Mateus Nunes de Paula
Abertura inscrições Em breve Total de vagas 3.460
Encerra inscrições Em breve Salários até R$ 23.692,74

Recentemente, foi divulgado na internet um suposto cronograma do próximo concurso da Polícia Federal. Contudo, embora o documento seja verdadeiro, este cronograma divulgado não é oficial. Trata-se na verdade de uma proposta elaborada pela própria Polícia Federal, por meio da Diretoria de Gestão de Pessoal (DGP-PF) do órgão. O organograma foi criado pela Polícia Federal e encaminhado ao Ministério da Economia no processo administrativo que trata acerca do pedido de autorização para o novo concurso no órgão. Portanto, trata-se tão somente de um documento extraoficial, de uma proposta ainda em debate, acerca de autorização para novo concurso público da Polícia Federal.

Sabendo do estado de calamidade pública instalado no país, é provável ainda que o Ministério da Economia não autorize a seleção já em maio. Ainda assim, se você busca ingressar no quadro da PF, vale a pena iniciar a preparação, pois o documento demonstra que o órgão quer promover um novo concurso em breve e o edital, mais cedo ou mais tarde, sairá.

Recentemente, a realização do curso de formação para a segunda turma de convocados no concurso anterior promovido pela PF foi suspenso pelo governador do DF, Ibaneis Rocha, devido a pandemia.

Concurso da PF pode ter editais em outubro e novembro

No documento, há informações de que a autorização do novo concurso pode sair já em maio, no dia 25. Ainda, os editais para Agente e Papiloscopista sairão em outubro, enquanto os editais para Delegado e Escrivão estão previstos para novembro. Confira o organograma divulgado pela PF:

  • Autorização do concurso - dia 25/05/2020;
  • Assinatura do contrato entre a PF e a banca organizadora - 28/09/2020;
  • Publicação do edital de concurso para agente e papiloscopista em 05/10/2020;
  • Publicação do edital de concurso para delegado e escrivão em 22/11/2020;
  • Aplicação das provas objetivas e discursivas nas datas de 07/02/2021 para os cargos de agente e papiloscopista
  • Aplicação das provas em 28/03/2021 para os cargos de escrivão e delegado;
  • Testes de aptidão física nas datas de 11/04/2021 para os cargos de agente e papiloscopista e em 06/06/2021 para os cargos de escrivão e delegado.
  • Primeiras nomeações nos cargos de delegado e escrivão para os últimos dias de 2021 e para cargos de agentes e papiloscopista apenas para 2022.

Embora ainda não tenha sido divulgada nenhuma informação oficial acerca do novo concurso, tudo leva a crer que já houve uma sinalização positiva não oficial do Ministério da Economia ao órgão policial, uma vez que foi elaborado tal organograma.

Entretanto, tratando-se na verdade de uma previsão e tendo em vista ainda o estado de calamidade pública decretado em decorrência da pandemia do coronavírus, resta aos concurseiros e aos interessados em realizar o certame continuar estudando e se preparando e aguardar os próximos dias, até o final de maio para verificar se o pedido de autorização se confirma na data prevista. Acompanhe o Ache Concursos e adicione o site aos seus favoritos para não perder o lançamento deste edital.

Carreira na Polícia Federal

Para concorrer aos cargos de Agente; Escrivão e Papiloscopista é necessário que os candidatos tenham nível superior em qualquer área de formação, mais CNH na categoria "B" ou superior. Já para concorrer ao cargo de Delegado é necessário ter nível superior em direito mais CNH na categoria "B" ou superior e ainda experiência de três anos em atividade jurídica ou policial.

Para os cargos de agente; escrivão e papiloscopista, a remuneração inicial para os cargos é de R$ 12.441,26. Já para o cargo de delegado, a remuneração inicial é de R$ 23.130,48. Confira o quadro de salários na PF

Cargo Classe Salário
Delegado de Polícia Federal Terceira R$ 23.692,74
Segunda R$ 24.298,42
Primeira R$ 27.846,74
Especial R$ 30.936,91
Perito Criminal Federal Terceira R$ 23.692,74
Segunda R$ 24.298,42
Primeira R$ 27.846,74
Especial R$ 30.936,91
Agente, Escrivão e Papiloscopista da PF Terceira R$ 12.522,50
Segunda R$ 13.044,41
Primeira R$ 15.267,27
Especial R$ 18.651,79

Provas previstas

O número de etapas do concurso da Polícia Federal varia de acordo com o cargo almejado. Independente do cargo, para se tornar um policial federal, é necessário superar ao menos 6 etapas do concurso.

Os candidatos, para todos os cargos, são inicialmente avaliados por provas objetivas e discursivas. Logo após são submetidos ao teste de aptidão física. Ainda, há posterior exame médico. Os aprovados em todas as etapas são posteriormente submetidos ainda a avaliação psicológica. Por último, há ainda a entrega de documentos para a prova de títulos. Por fim, os aprovados dentro do número de vagas e os excedentes posteriormente nomeados são submetidos ao curso de formação, para iniciar a preparação para se tornar um policial federal. Os candidatos ao cargo de delegado são submetidos ainda a uma prova oral e os candidatos ao cargo de escrivão são submetidos a uma prova de digitação.

Vagas

Ainda não há o número exato de vagas que os novos editais ofertarão no próximo concurso da Polícia Federal (PF). Contudo, houve um pedido do órgão policial ao Ministério da Economia para 3.460 oportunidades entre os 5 cargos.

Tendo em vista as restrições econômicas e a prioridade do governo federal de combate ao coronavírus, somada ainda as políticas que tem sido adotadas pelo governo, dificilmente o Ministério da Economia autorize a abertura de todas as vagas solicitadas. A previsão é de que sejam 1.000 cargos abertos.

De acordo com dados atualizados no início de abril de 2020, a Polícia Federal possui 4.279 cargos vagos. Dentre eles, 2.300 são para Agente, 931 para Escrivão, 505 para Delegado, 349 para Agente Administrativo, 101 para Papiloscopista e outras 93 para Perito Criminal.

Último concurso

O último concurso para a Polícia Federal ocorreu no ano de 2018. Na oportunidade foram ofertadas 500 vagas para cinco carreiras de nível superior. O valor das inscrições variou, na época entre R$ 180,00 e R$ 250,00 conforme o cargo. Com provas do tipo certo e errado, o Cebraspe organizou o certame com a realização de provas em todas as capitais brasileiras e no Distrito Federal.

Para o cargo de Delegado, foram 120 questões de Direito Penal, Direito Processual Penal, Criminologia, Direito Previdenciário e Direito Financeiro e Tributário, Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Empresarial, Direito Internacional Público e Cooperação Internacional.

Para o cargo de Perito Criminal 120 questões de Informática, Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Raciocínio Lógico e Conhecimentos Específicos.

Para Agente Federal 120 questões de Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística, Raciocínio Lógico, Informática e Contabilidade Geral.

Para o cargo de Escrivão foram 120 questões sobre Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística, Raciocínio Lógico, Informática, Contabilidade Geral e Arquivologia.

Por fim, para o cargo de Papiloscopista as 120 questões eram sobre Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e Processual Penal, Legislação Especial, Estatística, Raciocínio Lógico, Informática, Arquivologia, Biologia, Física e Química.

Veja ainda o último edital do concurso para mais informações:

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais