Governo DF começa a pagar Auxílio Renda Emergencial pelo BRB: veja como pedir

Benefício de R$ 408,00 será pago por dois meses pelo governo do DF por meio do Banco de Brasília (BRB). Veja quais são os critérios para pedir e como fazer o cadastro.

Por Caroline Fagundes Pieczarka

Está disponível a partir desta segunda-feira, 18 de maio, a consulta do benefício Renda Emergencial criado pelo Governo do Distrito Federal (GDF) para contemplar os brasilienses que não estão inscritos em programas sociais do governo federal . Cerca de 28,5 mil famílias terão direito a uma ajuda de R$ 408,00 que será paga durante dois meses, com possibilidade de prorrogação por mais um mês.

A consulta do direito ao benefício e o cadastro podem ser feitos pelo site do Banco de Brasília (BRB) - www.rendaemergencial.brb.com.br ou pela central telefônica 3029-8499, no horário das 8h às 20h, utilizando apenas o número do CPF. Através destes canais o cidadão pode confirmar seus dados, e se estiver apto, receber informações sobre o dia e local em que poderá retirar o cartão do benefício. A previsão é que os pagamentos do Renda Emergencial iniciem na próxima segunda-feira (25).

Quem tem direito a Renda Emergencial no DF pelo BRB?

Poderão receber o benefício as famílias que se enquadram nos seguintes critérios:

  • famílias com renda per capita de até meio salário mínimo;
  • não ser beneficiário dos programas Bolsa Família, DF sem Miséria, Bolsa Alfa, BPC e Auxílio Emergencial do Governo Federal;
  • estar inscrito em sistema eletrônico vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Social do DF (Sedes) e operacionalizado pelo Banco Regional de Brasília (BRB);
  • residir no Distrito Federal;
  • ter idade igual ou superior a 16 anos.

A entrega do cartão do benefício será feita a partir do dia 25 de maio e seguirá a ordem alfabética dos nomes dos cadastrados. A retirada será realizada em agência do BRB ou posto de mobilidade indicado na finalização do cadastro. O BRB vai utilizar o endereço cadastrado pelo beneficiário para programar a retirada do cartão em local mais próximo possível da residência.

O beneficiário poderá optar entre realizar o saque do valor do benefício ou utilizar o o cartão pré-pago Renda Emergencial em qualquer estabelecimento comercial do Distrito Federal. O saque poderá ser feito nos caixas eletrônicos do BRB ou em qualquer caixa 24h sem cobrança de tarifa.

Cronograma para retirar cartão do Renda Emergencial

25 de maio - beneficiários com inicias A,B e C
26 de maio - beneficiários com inicias D, E, F, G e H
27 de maio - beneficiários com inicias I, J, K e L
28 de maio - beneficiários com inicias M, N e O
29 de maio - beneficiários com inicias P, Q, R, S, T, U, V, W, X, Y e Z

Cartão Prato Cheio

Outro auxílio oferecido pelo governo do Distrito Federal às famílias de baixa renda durante a pandemia da Covid-19 será o Cartão Prato Cheio. O programa também foi criado em parceria com o Banco Regional de Brasília (BRB) e tem o objetivo de permitir aos mais carentes a compra de alimentos em estabelecimentos conveniados. O benefício mensal total será de R$ 250 por família, sendo R$ 160 da cesta básica e R$ 90 de complemento do programa Pão e Leite.

Terão direito ao Cartão Prato Cheio os cidadãos inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) que possuem renda mensal per capita igual ou inferior a meio salário-mínimo (R$ 522,50). Para saber se está na lista de beneficiários ou fazer o cadastro o cidadão deve acessar os mesmos canais de atendimento citados acima (www.rendaemergencial.brb.com.br ou central telefônica 3029-8499).

O benefício do Cartão Prato Cheio não poderá ser sacado, apenas utilizado na função débito. As compras só poderão ser realizadas em estabelecimentos do ramo alimentício, como supermercados, mercados, padarias, açougues e etc.

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Concurso DEPEN 2020: Edital com 309 vagas é retificadoNível: Médio, Superior05/06/2020309R$ 6.030,23
Concurso DEPEN 2020: inscrições encerram nesta sexta (5)Nível: Médio, Superior05/06/2020309R$ 6.030,23
Concurso DEPEN tem 294 vagas de nível médio com salário de R$ 6 milNível: Médio, Superior05/06/2020309R$ 6.030,23
Ministério da Economia autoriza 249 vagas para Analista Administrativo e Engenheiros em 2020Nível: Superior09/06/2020249R$ 3.955,50
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais