Dicas de estudo para prova da ESA; novo concurso tem 1.100 vagas

As inscrições para o concurso que tem vagas abertas para Sargentos ambos os sexos na áreas Geral, Música e Saúde iniciam em fevereiro e as provas estão marcadas para agosto. Os candidatos têm, portanto, um bom tempo para se preparar, mas a concorrência, que deverá chegar a mais de 100 mil inscritos, também será grande.

Por Luana Daniele Ciecelski

Os primeiros meses do ano sempre são repletos de novos editais de concursos relacionados às carreiras militares, e em 2019 não está sendo diferente. Desde o início de janeiro, diversas notícias relacionadas às Forças Armadas já foram divulgadas pelo Ache Concursos e nessa terça-feira, dia 19 de fevereiro, um dos mais esperados processos seletivos na área foi divulgado no Diário Oficial da União: o concurso público da Escola de Sargentos das Armas (ESA).

Concurso da ESA abre para inscrições nessa quarta-feira, dia 20 de fevereiroO certame tem 1.100 vagas abertas para ambos os sexos na áreas Geral, Música e Saúde. Para participar da seleção os candidatos devem ter escolaridade de nível médio concluído, no mínimo 17 e no máximo 24 anos de idade, sendo que para as áreas de Saúde e Música a idade máxima permitida é de 26 anos (até o término do ano da matrícula). Além disso, é necessário ter altura de 1,60m se o candidato for do sexo masculino ou 1,55m se do sexo feminino e caso seja menor de 18 anos, deverá estar autorizado por responsável legal a submeter-se ao concurso, e caso seja aprovado e classificado nas vagas estabelecidas, a ser matriculado. Os aprovados no processo seletivo terão direito a ingressar no curso de formação de sargentos do ano de 2020.

Leia: Carreira militar: entenda o funcionamento, as formas de ingresso e a reserva

Ao total, são 1.000 vagas para a área Geral/ Aviação, sendo 900 para homens e 100 para mulheres; mais 60 vagas para área de Música e 40 vagas para a área da Saúde (técnico de enfermagem). Os militares que concluírem com aproveitamento o Curso de Formação receberão ainda diploma de graduação em Nível Superior Tecnológico e a remuneração poderá chegar a até R$ 3.825,00. Pensando nessa grande oportunidade, o Ache Concursos traz a seguir um manual de preparação para esse certame com tudo o que você precisa saber para as provas.

As provas

As inscrições para o concurso iniciam nessa quarta-feira, dia 20 de fevereiro, e poderão ser feitas até o dia 20 de março, no site da ESA, por meio do endereço eletrônico www.esa.eb.mil.br. A taxa de inscrição é de R$ 95,00. As provas, por sua vez, estão previstas para começarem a ser aplicadas no dia 4 de agosto de 2019. Dessa forma, mesmo aqueles que ainda não começaram a estudar para o concurso terão um bom tempo para se prepararem. No entanto, é preciso realmente estudar, porque esse é um concurso muito disputado. Em edições anteriores, mais de 100 mil pessoas se candidataram.

Segundo o edital, o certame terá várias etapas de avaliação dos candidatos, sendo elas:

- Prova objetiva

- Prova discursiva

- Avaliação de títulos

- Exame de Habilitação Musical (para candidatos à área de Música)

- Inspeção de Saúde

- Exame de Aptidão Física

Provas objetiva e discursiva

A prova objetiva será aplicada, como já dito, no dia 4 de agosto de 2019, nas organizações militares localizadas nas cidades do Rio de Janeiro-RJ, Resende-RJ, Vila Velha-ES, Niterói-RJ, Juiz de Fora-MG, Belo Horizonte-MG, Três Corações-MG, São João Del Rei-MG, Uberlândia-MG, Montes Claros-MG, São Paulo-SP, Campinas-SP, Lins-SP, Guarujá-SP, Taubaté-SP, Pirassununga-SP, Porto Alegre-RS, Santa Maria-RS, Cruz Alta-RS, Santiago-RS, Pelotas-RS, Uruguaiana-RS, Bagé-RS, Florianópolis-SC, Cascavel-PR, Curitiba-PR, Ponta Grossa-PR, Salvador-BA, Aracaju-SE, Maceió-AL, Recife-PE, João Pessoa-PB, Natal-RN, Fortaleza-CE, Teresina-PI, Petrolina-PE, Manaus-AM, Tabatinga-AM, Rio Branco-AC, Boa Vista-RR, Porto Velho-RO, Tefé-AM, São Gabriel da Cachoeira-AM, Brasília-DF, Palmas-TO, Goiânia-GO, Campo Grande-MS, Cuiabá- MT, Corumbá-MS, Rondonópolis-MT, Dourados-MS, São Luís-MA, Altamira-PA, Belém-PA, Macapá-AP, Imperatriz-MA, Santarém-PA, Itaituba-PA e Marabá-PA. Os locais exatos das provas serão divulgados pelo Exército no dia 22 de julho.

Sua aplicação será, constituída de quatro partes para área Geral/ Aviação e de cinco partes para áreas de Música e Saúde, sendo: 1ª parte uma prova de matemática com 12 questões objetivas para área Geral/ Aviação e 8 questões objetivas para áreas Música e Saúde; 2ª parte uma prova de Português com 12 questões objetivas para área Geral/ Aviação e 8 questões objetivas para áreas Música e Saúde; 3ª parte uma prova de História e Geografia do Brasil com 12 questões objetivas, sendo 6 questões de cada disciplina para área Geral/ Aviação e 8 questões objetivas (4 de cada disciplina) para as áreas de Música e Saúde; 4ª parte uma prova de Inglês sendo 4 questões objetivas para todas as áreas; 5ª parte uma prova de conhecimentos específicos da área técnica em Enfermagem apenas para a área da Saúde com 12 questões objetivas e prova de Teoria Musical apenas para área de Música com 12 questões objetivas.

Os gabaritos dessa prova estão previstos para serem divulgados no dia 6 de agosto e os resultados da prova objetiva, por sua vez, devem sair até o dia 11 de outubro.

A prova discursiva, por sua vez, também será aplicada no dia 4 de agosto e consistirá em uma questão única que deverá ser respondida pelo candidato no formato de redação. Essa prova terá o objetivo de avaliar a capacidade de expressão escrita e o uso das normas do registro formal culto da Língua Portuguesa. Com base no tema indicado na questão discursiva, a redação deverá ter a extensão mínima de 20 (vinte) e máxima de 30 (trinta) linhas, sem contar o título, primando pela coerência, correção e coesão.

Também é muito importante ressaltar que tanto na Folha de Respostas da prova objetiva, quanto na Folha da Redação da prova dissertativa, o candidato deverá utilizar apenas caneta esferográfica de tinta azul ou preta. Além disso, o edital pede que no dia da prova, todos os candidatos cheguem ao local de aplicação com uma antecedência de 3 horas, tendo em mãos o documento de identidade e o cartão de confirmação da inscrição. Segundo o edital, “tal antecedência é imprescindível para a organização dos locais do Exame Intelectual, permitindo que o(a)s candidato(a)s sejam orientado(a)s pelos encarregados de sua aplicação e distribuído(a)s nos seus lugares, ficando em condições de iniciarem as provas, pontualmente, nos horários previstos”.

Leia ainda: Dicas para o dia da prova.

O candidato poderá portar, no dia da prova, apenas os seguintes objetos e instrumentos: lápis (apenas para rascunho); borracha; régua; prancheta, sem qualquer tipo de inscrição e/ou equipamento eletrônico; e caneta esferográfica de material transparente de tinta preta ou azul. O material não poderá conter qualquer tipo de equipamento eletrônico ou inscrição, exceto as de caracterização (marca, fabricante, modelo) e as de graduações (régua). Também serão permitidos no local de prova bebidas não-alcoólicas e alimentos a serem consumidos durante a aplicação. As embalagens porém, deverão ser submetidas a avaliação dos fiscais.

Saiba mais: O que pode e o que não pode portar na hora da prova.

Prova de títulos

Com caráter classificatório, serão considerados para a prova de títulos do concurso da ESA:

Dicas de estudo para prova da ESA; novo concurso tem 1.100 vagas

A entrega de títulos deverá acontecer pessoalmente, nos dias 14 e 15 de outubro, no horário das 8h às 17 horas.

Exame de Habilitação Musical

Realizado entre os dias 28 de outubro e 1º de novembro, o EHM terá como finalidade verificar a habilidade musical do candidato. Ele deverá comparecer ao local de prova com uma hora de antecedência, portanto seus próprios instrumentos, com os quais realizarão a prova. A exceção é em relação à Tuba, nesse caso, o candidato poderá utilizar um instrumento disponibilizado pelo Exército no dia da prova. Os candidatos serão avaliados em dois instrumentos, escolhidos no ato de inscrição.

Inspeção de Saúde

Serão realizadas por médicos peritos, entre os dias 25 de novembro e 16 de dezembro de 2019. No dia da avaliação presencial do médico, os candidato também deverão apresentar caderneta de vacinação e laudos de exames complementares, cuja realização é de sua responsabilidade. Os exames pedidos, são os seguintes:

I - radiografia dos campos pleuro-pulmonares (com laudo);

II - sorologia para Lues (método de VDRL) e HIV;

III - exame de detecção de Doença de Chagas, utilizando um dos métodos a seguir: hemoaglutinação; imunofluorescência; ELISA (ou imunoensaio enzimático) ou reação de Machado-Guerreiro;

IV - hemograma completo, tipagem sanguínea e fator RH, e coagulograma;

V - parasitologia de fezes;

VI - sumário de urina (EAS, urina tipo I ou urina rotina);

VII - teste ergométrico (com laudo);

VIII - eletroencefalograma em vigília com mapeamento (com laudo);

IX - radiografia panorâmica das arcadas dentárias (com laudo);

X - audiometria (tonal, com laudo);

XI - sorologia para hepatite B (contendo, no mínimo, HBsAg e Anti-HBc) e hepatite C (Anti-HCV);

XII - exame oftalmológico (com laudo, incluindo motilidade; acuidade visual; fundoscopia; tonometria; teste de Ishiara, relatando quais a cores em déficit);

XIII - glicemia em jejum;

XIV - uréia e creatinina;

XV - radiografia de coluna cervical, torácica (realizadas em 2 incidências: PA e Perfil) e lombar com laudo,especificando os ângulos de Cobb e Ferguson;

XVI - exame toxicológico, baseado em matriz biológica (queratina, cabelo ou pelo) com janela de detecção mínima de 90 dias (com laudo). As drogas a serem pesquisadas serão, no mínimo, maconha e derivados; cocaína e derivados - incluindo crack e merla;  anfetaminas; metanfetaminas; ecstasy (MDMA e MDA); opiáceos incluindo morfina, codeína, acetilmorfina (heroína), oxicodine; hidromorfina, hidrocodona;

XVII - teste de gravidez beta-HCG sanguíneo (sexo feminino); e

XVIII - colpocitologia oncótica (sexo feminino).

Exame de aptidão física

Utilizando vestes adequadas para a prática de atividades físicas, os candidatos deverão comparecer, em data, horário e local ainda a serem indicados. As atividades que deverão ser realizadas são:

- Abdominais (ambos os sexos):  cada candidato(a) deverá executar o número máximo de flexões abdominais sucessivas, sem interrupção do movimento, em um tempo máximo de 3 minutos.

- Flexão de braços sobre o solo (ambos os sexos): cada candidato(a) deverá executar o número máximo de flexões de braço sucessivas, sem interrupção do movimento. Não há um limite de tempo.

- Corrida de 12 minutos (para ambos os sexos): cada candidato deverá correr a distância máxima que conseguir dentro do tempo estipulado.

- Flexão de braços na barra fixa (para ambos os sexos): o candidato deverá executar, sem interrupção, o maior número de vezes possível, o exercício.

O resultado final do processo seletivo deverá ser publicado até o dia 20 de janeiro de 2020. O concurso terá validade apenas para o ingresso em 2020, encerrando 15 dias após a data de publicação do edital do resultado final.

Confira mais detalhes no edital do concurso da ESA 2019.

Como se preparar

A melhor forma de se preparar para qualquer concurso público é criando uma rotina rigorosa de estudos e, no caso dos concursos que exigem habilidades físicas, deve-se incluir também uma rotina de exercícios. Veja como construir seu cronograma de estudos.

Em relação à prova objetiva, há no edital a relação dos assuntos que poderão ser cobrados no Exame Intelectual. É importante conferir essa lista com atenção e se organizar para dar  pelo menos uma revisada em cada um dos temas e bibliografias sugeridas. Esse material está disponível no anexo de número 6, a partir da página 35 do edital.

Já para a prova discursiva a dica é treinar a habilidade de redação de textos. Inclua em se cronograma um tempo para praticar a escrita. Selecione temas que você considera relevantes e comece a escrever sobre eles. Jogue suas ideias no papel, teste formatos de textos e modelos de redações, busque aquela com a qual você se sente mais confiante.

Além disso, no site da ESA você também pode acessar as provas objetiva e discursiva de anos anteriores e utilizá-las em seus estudos. Uma boa forma de revisar se seus estudos estão seguindo na direção correta é eventuaalmente resolver essas provas. 

Veja ainda: 10 dicas para se sair bem na prova discursiva.

E por fim, em relação ao Exame de Aptidão Física, pratique muito as atividades que serão exigidas na prova, ou seja, abdominais, flexão de braços sobre o solo, corrida de 12 minutos e flexão de braços na barra fixa. Para isso, pode ser interessante buscar uma orientação de uma profissional de Educação Física, que poderá auxiliá-lo, inclusive, na organização de uma rotina de exercícios que o tornará apto para a prova. Além de disso, intercalar a rotina de estudos com a prática de atividades físicas pode até mesmo melhorar seu rendimento intelectual. Saiba mais

Seguindo essas dicas, portanto, não há erro em relação a preparação, né?! Então, bons estudos e boa sorte a todos.

Confira ainda: a tabela de salários dos militares das forças armadas em 2019.

Concursos próximos indicados para você
ConcursoInscrições atéN° VagasSalários até
Aeronáutica abre concurso para médicos com 80 vagas no CAMARNível: Superior28/05/201980R$ 8.245,00
Marinha abre concurso com 190 vagas para o Colégio NavalNível: Fundamental29/05/2019190
Governo divulga novo edital para o Mais Médicos em 2019Nível: Superior29/05/20192.035R$ 11.865,60
Concurso EsPCEx 2019: Sai edital com 450 vagas para Cadetes do ExércitoNível: Médio06/06/2019450R$ 1.066,00
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais