Encerrou no último domingo a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2020). Com 5,7 milhões de inscritos - e número recorde de abstenções - o Enem teve prova impressa realizada nos dias 17 e 24 de janeiro e a prova digital - novidade desta edição - aplicada nos dias 31 de janeiro e 07 de fevereiro.

Enquanto o resultado oficial das provas não sai, os participantes já podem ficar de olho no calendário de inscrição para o ProUni 2021, bem como as datas para o Fies e o Sisu no primeiro semestre deste ano. Em função da pandemia da Covid-19, que gerou o adiamento do Enem no ano passado, alguns prazos estão diferentes de anos anteriores. A forma de seleção também sofreu algumas alterações, visto que o resultado do exame será publicado somente no mês de março.

As três seleções são as principais formas de ingresso em universidades particulares e públicas no país. Confira abaixo o calendário de inscrições do Prouni, do Fies e do Sisu em 2021 e como funciona o processo de seleção de cada um.

Prouni

Neste ano, o Programa Universidade para Todos (Prouni) vai ofertar 162 mil bolsas de estudos na primeira seleção de 2021. As vagas são para cursos de ensino superior em faculdades particulares. Do total de vagas, 77 mil serão destinadas a bolsas de estudos integrais. No primeiro semestre deste ano, o Prouni vai utilizar a nota do Enem 2019, visto que o resultado do último exame será divulgado somente em março.

O resultado da 1ª chamada do Prouni 2021 foi divulgado em 19 de janeiro - veja aqui como consultar. No final de janeiro, o MEC decidiu por prorrogar os prazos da seleção do primeiro semestre, permitindo que os pré-selecionados na 1ª chamada tivessem até o dia 03 de fevereiro para comprovar as informações. Já o resultado da 2ª chamada sai no dia 08 de fevereiro no site http://prouniportal.mec.gov.br/. Veja o calendário completo abaixo.

Calendário do Prouni 2021

As inscrições para o Prouni encerram no dia 15/01. Fique atento aos prazos:

  • 12 a 15 de janeiro de 2021 - período de inscrições
  • 19 de janeiro de 2021 - Resultado da 1ª chamada
  • 19 de janeiro a 03 de fevereiro de 2021 - Comprovação de informações da 1ª chamada
  • 08 de fevereiro de 2021 - Resultado da 2ª chamada
  • 08 a 24 de fevereiro de 2021 - Comprovação de informações da 2ª chamada
  • 1º a 02 de março de 2021 - Prazo para participar da lista de espera
  • 05 de março de 2021 - Divulgação da lista de espera
  • 08 a 12 de março de 2021 - Comprovação de informações da lista de espera

Quem pode se inscrever o Prouni 2021?

Podem se inscrever no Prouni as pessoas que não possuem diploma de curso superior e que tenham participado da edição mais recente do Enem (2019) e obtido no mínimo 450 pontos na média das notas, além de não ter zerado a nota da redação. A inscrição no Prouni 2021 ficou aberta entre os dias 12 e 15 de janeiro, de forma gratuita e exclusivamente pela internet, no site do Prouni prouniportal.mec.gov.br.

Para concorrer a uma bolsa integral no Prouni 2021 é necessário que o candidato comprove renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio (R$ 1.650,00) por pessoa. Já quem não se encaixa nesse critério poderá concorrer a uma bolsa parcial de 50% se comprovar renda familiar bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa.

Além dos requisitos citados acima, o candidato deve se encaixar em pelo menos uma das condições descritas abaixo:

  • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública.
  • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede particular, na condição de bolsista integral da própria escola.
  • Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede particular, na condição de bolsista integral da própria escola privada.
  • Ser pessoa com deficiência.
  • Ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrante de quadro de pessoal permanente de instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesses casos, não há requisitos de renda.

Lista de espera do ProUni: como funciona?

Os candidatos que ficarem de fora das duas chamadas poderão ainda manifestar interesse em participar da lista de espera do Prouni. O prazo para se inscrever será entre 1º a 02 de março e o resultado da lista será divulgado no dia 05 de março. As bolsas que não forem preenchidas nas duas chamadas serão ocupadas pelos estudantes da lista de espera que comprovarem as informações declaradas na ficha de inscrição. Pode participar da lista o candidato:

  • Não pré-selecionado nas chamadas regulares.
  • Pré-selecionado na segunda opção de curso, reprovado por não formação de turma.

Sisu 2021

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) permite o ingresso de pessoas em instituições públicas de ensino superior. A seleção ocorre de acordo com a nota do candidato no último Exame Nacional do Ensino Médio. Para a seleção do primeiro semestre deste ano será utilizada a nota do Enem 2020, que sairá em março. Dessa forma, as inscrições do Sisu 2021 devem ficar para o mês de abril. A informação foi divulgada pelo Ministério da Educação no ano passado, por meio de nota.

"Em razão do adiamento da aplicação das provas do Enem de 2020, cujo resultado será divulgado em março de 2021, os processos seletivos do Programa Universidade para Todos (Prouni) e do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), edições do 1º semestre de 2021, exigirão dos candidatos notas de edições do Enem anteriores à edição de 2020. Já o processo seletivo do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), previsto para ocorrer em abril, exigirá dos candidatos a nota do Enem de 2020, cujas provas ocorrerão em janeiro de 2021."

De acordo com o órgão, o edital do Sisu para o primeiro semestre de 2021 será publicado após a divulgação do resultado do Enem, no mês de março, mesmo período em que será encerrado o semestre letivo de 2020 em grande parte das instituições de ensino superior públicas.

Quem pode se inscrever no Sisu 2021?

A inscrição poderá ser feita por candidatos que participaram do Enem 2020 e obtiveram nota que não seja zero na redação. Algumas instituições ainda adotam notas ou médias mínimas para ingresso em determinados cursos. Nesse caso, o sistema irá informar no momento da inscrição se a nota do candidato é suficiente ou não.

Como funciona a nota de corte do Sisu 2021?

A nota de corte é uma referência para auxiliar o candidato no monitoramento da sua inscrição. Durante o período de inscrição, o Sisu calcula, uma vez por dia, a menor nota para o candidato ficar entre os potencialmente selecionados. O cálculo é feito para cada curso com base no número de vagas disponíveis e no total de candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência. A nota de corte não serve como garantia de que o candidato será selecionado.

O que é a lista de espera do Sisu?

Poderá participar da lista de espera apenas o candidato que não foi selecionado na chamada regular em nenhuma das duas opções de curso selecionadas. Assim, candidato deve escolher entre uma das opções de curso para esperar na lista. Para fazer isto o candidato deverá acessar o seu boletim na página do Sisu durante o período específico e clicar no botão correspondente ao interesse de participar da lista de espera.

Fies 2021

As inscrições para o Fies 2021 aconteceram entre 26 e 29 de janeiro. O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é voltado para pessoas que possuem renda familiar mensal bruta por pessoa de até três salários mínimos (R$ 3.300,00). Para se inscrever no processo seletivo o candidato precisa ter participado do Enem, a partir da edição de 2010 até 2019, e ter obtido média aritmética das notas igual ou superior a 450 e nota superior a 0 na redação.

A inscrição no Fies 2021 pôde ser realizada diretamente na página fies.mec.gov.br, na aba Minha Inscrição. O Fies permite o financiamento de cursos superiores em faculdades particulares com percentual mínimo de 50% do encargo educacional com juros zero. O resultado da pré-seleção do Fies 2021 foi divulgado no dia 02 de fevereiro pelo Ministério da Educação (MEC). Os candidatos poderão consultar o resultado no site do Fies ou na instituição na qual se inscreveu.

Calendário Fies 2021

  • 26 a 29 de janeiro - Período de inscrições do Fies
  • 02 de fevereiro - Resultado da pré-seleção
  • 03 a 05 de fevereiro - Prazo para complementação das informações da inscrição para candidatos pré-selecionados na chamada única do Fies
  • 03 de fevereiro a 18 de março - Lista de espera do Fies.