Conselho Federal de Odontologia convoca 21 aprovados em concurso público

CFO nomeia mais 21 aprovados na seleção realizada em 2017 que teve 17.031 candidatos. Os salários chegam a R$ 3.200,00.

Por: Tamiris Soares
0
0 share
0 tweets
0 share

O Conselho Federal de Odontologia (CFO) realiza a segunda convocação de candidatos aprovados no seu último concurso público, realizado em 2017, sob coordenação do Instituto Quadrix. São 21 novos convocados em edital publicado na página 179 do Diário Oficial da União de 9 de fevereiro.

Os aprovados foram chamados para prover as funções de Agente Operacional, Recepcionista, Técnico Administrativo, Técnico em Contabilidade, Técnico em Secretariado, Técnico em Tecnologia da Informação, Administrador, Analista de Desenvolvimento de Sistemas de Informação, Analista de Recursos Humanos, Analista de Suporte de Tecnologia da Informação, Contador, Procurador Jurídico e Secretariado Executivo. Os cargos têm salários iniciais entre R$ 2.000,00 e R$ 3.200,00.

CFO convoca novos aprovados em concurso para o provimento de 21 vagas

O edital informa que a documentação necessária deve ser entregue entre os dias 15 e 23 de fevereiro, no CFO, sediado no endereço SHIN CA7, Lote 2, Bloco 2, Lago Norte, Brasília-DF. Os candidatos deverão ainda se apresentar para a realização dos exames de saúde requeridos, em 19 ou 22 de fevereiro.

Dentre os requisitos contidos no edital de abertura do certame, estão: ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, em caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade nos termos do parágrafo 1º, artigo 12, da Constituição; ter idade mínima de 18 anos completos na data da contratação; estar em dia com as obrigações eleitorais e em pleno gozo dos direitos políticos; apresentar certificado de reservista ou de dispensa de incorporação, em caso de candidato do sexo masculino; apresentar declaração de que não acumula cargo, cargo ou função pública, ou proventos de inatividade, ressalvadas as possibilidades de acumulação lícita previstas no inciso XVI do art. 37 da Constituição Federal; ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições correspondentes ao cargo; e não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade das esferas federal, estadual, municipal ou do Distrito Federal e comprovar a escolaridade exigida para o cargo.

A documentação pedida inclui carteira de trabalho e previdência social; cópias autenticadas em cartório de certidão de nascimento, casamento ou união estável; título de eleitor acompanhado do comprovante de votação na última eleição; certificado de reservista ou dispensa de incorporação para candidatos do sexo masculino; cédula de identidade; duas fotos 3 x 4 recentes; inscrição no PIS/Pasep ou declaração de firma anterior, informando não haver feito o cadastro; CPF; comprovação de escolaridade ou autorização legal para o exercício da profissão; certidão de nascimento dos filhos solteiros menores de 18 anos; cartão de vacinação dos filhos menores de 14 anos; termo de guarda e certidão de nascimento do filho menor que estiver sob tutela; comprovante de residência e outros documentos que o CFO julgar necessários no ato da convocação.

Concurso

Foram17.031 candidatos aos cargos de níveis médio e técnico, 2.986 deles disputando as vagas reservadas a candidatos negros e 233 disputando as vagas para pessoas com deficiência. Destaque para a função de Técnico Administrativo, com 10.988 inscritos.

O concurso teve sua homologação em 4 de agosto de 2017 e tem validade de dois anos, prazo que pode ser prorrogado uma vez pelo mesmo período. Ainda há a possibilidade de muitas convocações, considerando que o concurso abriu 36 vagas imediatas, que ainda não foram totalmente supridas, mais 306 para composição de cadastro reserva.

Avalie esta notícia

Nota:

(5.0/5.0)

Concursos Abertos

Busca avançada de concursos
Concursos Previstos Últimas Notícias
carregando...
FAÇA UM COMENTÁRIO
Faça um comentário sobre este assunto
Enviar