10/02/2021
17/02/2021
R$ 2.532,61
65

Anexos

A Fundação de Ação Social Curitiba (FAS), no estado do Paraná, abriu um novo processo seletivo para contratar pelo prazo de seis meses, podendo ser prorrogados por igual período, 65 Educadores Sociais para o Serviço Especializado em Abordagem Social e o Serviço de Acolhimento Institucional da Fundação visando atender à necessidade temporária de excepcional interesse público, em todo o território municipal. Do total de vagas abertas, três serão destinadas para pessoas com deficiência (PcD).

A função exige idade mínima de 18 anos completos e ensino médio completo. O salário será de R$ 2.532,61, por jornada de trabalho de 200 horas por mês.

Inscrições na seleção

As inscrições já estão abertas e devem ser realizadas até as 23h59min do dia 17 de fevereiro de 2021, pela internet, por meio do site concursos.curitiba.pr.gov.br. As inscrições serão gratuitas.

Provas

Os candidatos serão classificados por ordem de inscrição, sendo a pessoa que se inscreveu primeiro está colocada como primeiro lugar e assim sucessivamente. O resultado final sairá no dia 23 de fevereiro pelo endereço eletrônico concursos.curitiba.pr.gov.br e no Diário Oficial Eletrônico - Atos do Município de Curitiba.

Das atribuições do cargo

  1. Realizar em conjunto com a equipe técnica a elaboração de serviços, projetos e programas a serem desenvolvidos pela sua unidade de trabalho;
  2. Participar sob supervisão técnica do desenvolvimento de ações socioassistenciais para pessoas famílias e comunidade;
  3. Realizar sob orientação técnica os trabalhos com grupos em sua área de atuação;
  4. Registrar os atendimentos e ações, nos sistemas de informações e demais instrumentos oficiais, conforme rotina da unidade de trabalho;
  5. Operacionalizar sistemas de informações para inserção de dados e realizar pesquisas para o desenvolvimento do trabalho conforme padrões estabelecidos;
  6. Prestar informações dos serviços socioassistenciais;
  7. Acolher e recepcionar pessoas, realizando cadastro, triagem, prestando informações, orientações e realizando encaminhamentos necessários para a rede de serviços;
  8. Operacionalizar em conjunto com a equipe técnica a implantação de serviços, projetos e programas segundo as diretrizes propostas;
  9. Realizar busca ativa para promoção do acesso de pessoas e famílias aos serviços socioassistenciais;
  10. Participar do mapeamento dos recursos comunitários existentes no território de abrangência da sua unidade de trabalho;
  11. Acompanhar pessoas em deslocamentos para atendimentos externos à sua unidade de atuação, quando necessário;
  12. Executar e/ou acompanhar ações com grupos de pessoas em eventos externos à unidade de trabalho;
  13. Apoiar, auxiliar e executar em conjunto com o técnico a organização e atendimento de ações e eventos, extraordinários de sua unidade de trabalho;
  14. Utilizar sob orientação técnica os recursos da rede local para fortalecer as ações desenvolvidas;
  15. Acompanhar e auxiliar no desenvolvimento de ações socioeducativas e/ou socioassistenciais com pessoas, famílias e grupos;
  16. Acompanhar, orientar e auxiliar pessoas nas atividades de rotina da vida diária inerente à área de atuação;
  17. Realizar sob orientação técnica atividades com pessoas dentro da sua área de atuação;
  18. Desempenhar atividades inerentes ao cargo, conforme protocolos estabelecidos e/ou reconhecidos pela instituição;
  19. Desempenhar outras tarefas correlatas pertinentes ao cargo.

Anexos