O Ministério da Cidadania já liberou a consulta aos aprovados para receber a próxima parcela do Auxílio Brasil. Neste mês, 2,2 milhões de novas famílias ingressaram no programa e estão recebendo o benefício pela primeira vez, que será de R$ 600 de agosto até o fim do ano.

A primeira parcela de R$ 600 teve as datas antecipadas com a publicação de um novo calendário do Auxílio Brasil em agosto. O depósito começou no dia 9 para os inscritos com NIS final 1 e seguirá até o dia 22/08 quando recebe o último grupo (NIS final 0).

As famílias inscritas no programa esperavam receber ainda em julho o valor de R$ 600 do Auxílio Brasil. Contudo, a demora na tramitação da PEC no Congresso Nacional não permitiu que o novo benefício fosse processado a tempo na folha de pagamento deste mês.

Pelo mesmo motivo o governo não conseguiu incluir as famílias que estavam na fila de espera no pagamento de agosto. Além do aumento de R$ 200, o governo conseguiu ampliar o Auxílio Brasil para 20,2 milhões de famílias a partir de agosto. Ao todo, as medidas devem custar R$ 26 bilhões aos cofres da União.

Como baixar o aplicativo do Auxílio Brasil

Lançado no final do ano passado pela Caixa Econômica Federal, o aplicativo é uma versão atualizada do app do Bolsa Família. Por isso, o beneficiário que ainda possui o aplicativo antigo instalado deve acessar a loja de aplicativos do seu celular e fazer a atualização do app.

A família deve ficar atenta às diversas versões do aplicativo de origem duvidosa e que podem oferecer riscos à segurança dos seus dados. Veja abaixo qual é a versão original do aplicativo do Auxílio Brasil:

  • Auxílio Brasil GovBR para celulares Android - baixe aqui.
  • Auxílio Brasil GovBR para celulares com sistema iOS - baixe aqui.

Para ter certeza que é a versão confiável do aplicativo o beneficiário deve conferir a informação Desenvolvido por Caixa Econômica Federal (veja abaixo).

Versão original do aplicativo Auxílio Brasil é desenvolvida pela Caixa.
Versão original do aplicativo Auxílio Brasil é desenvolvida pela Caixa.

Como fazer login no app do Auxílio Brasil

A Caixa repassou as orientações para acessar o aplicativo, veja quais são:

  • Caso deseje utilizar a mesma senha do CAIXA Tem, selecione a opção Quero entrar com a minha senha do App CAIXA Tem e insira seu CPF e senha.
  • Caso deseje utilizar a mesma senha dos demais aplicativos CAIXA, selecione a opção Quero entrar com a minha senha do App Auxílio Brasil e insira seu CPF e senha (a mesma cadastrada nos app do Bolsa Família, FGTS, Caixa Trabalhador).
  • Caso não possua senha de nenhum aplicativo CAIXA, selecione a opção Quero entrar com a minha senha do App Auxílio Brasil ou desejo me cadastrar, selecione a opção "Cadastre-se" e siga os passos solicitados na tela para efetuar o seu cadastramento.

Cadastrando uma senha no aplicativo

  1. Depois de selecionar a opção Cadastra-se, digite o seu CPF e clique em Próximo;
  2. Preencha o seu nome completo e clique em Próximo;
  3. Digite sua data de nascimento e clique em Próximo;
  4. Preencha seu e-mail e clique em Próximo;
  5. Digite a senha que deseja cadastrar e marque a opção Não sou um robô;
  6. A senha deve ser numérica, ter pelo menos 6 dígitos, não pode ser igual ao CPF, não pode repetir em sequência com mais de 2 dígitos e não pode ser data de nascimento;
  7. Acesse o seu e-mail e siga as orientações para finalizar o cadastro. Em caso de dúvidas ligue para a Central de atendimento da Caixa 0800 726 0207 e selecione a opção 3.

Consulta Auxílio Brasil pelo CPF

Ao fazer login com CPF e senha no aplicativo Auxílio Brasil o beneficiário terá acesso a todas as informações referentes ao seu benefício. Logo na tela inicial o app vai exibir se o benefício está liberado ou bloqueado e a data em que o dinheiro estará disponível para saque.

Clicando na opção Ver parcelas é possível consultar o extrato das parcelas liberadas até o momento e o valor recebido pela família, sendo que a parcela do topo da lista é sempre a mais recente.

O aplicativo também especifica a situação das parcelas conforme cada caso. São cinco situações que podem ocorrer com o pagamento:

  • Parcela liberada (ícone verde): significa que a parcela está disponível para saque a partir da data indicada no calendário de pagamento, conforme o dígito final do NIS;
  • Parcela bloqueada (ícone amarelo): para saber mais informações é preciso buscar atendimento no órgão gestor do Auxílio Brasil no seu município;
  • Parcela cancelada (ícone vermelho): para saber mais informações é preciso buscar atendimento no órgão gestor do Auxílio Brasil no seu município;
  • Parcela paga (ícone cinza): indica que o pagamento mais recente já foi creditado na conta e o próximo depósito pode ser consultado no calendário;
  • Parcela pendente (ícone azul): parcela pendente decorrente de saque sem a finalização da transação em razão de falha sistêmica. Para mais informações procura uma agência da Caixa.

Aplicativo do Auxílio Brasil faz cadastro?

Não, não é possível cadastrar a família no programa por meio do aplicativo do Auxílio Brasil. A plataforma serve apenas para consulta a informações relacionadas ao benefício, como extratos de pagamento, valores, datas de depósito e possíveis motivos que podem ter gerado o bloqueio do benefício.

Para se inscrever no Auxílio Brasil a família deve fazer parte do Cadastro Único (Cadúnico). Se ainda não está inscrita, aí sim é possível realizar um pré-cadastro pelo celular.

O aplicativo do Cadúnico recebeu uma versão atualizada recentemente que trouxe novas funcionalidades à plataforma. Entre elas, a atualização cadastral por confirmação, que permite que o responsável familiar revise os dados da família e atualize o cadastro pelo app caso não haja mudança nas informações prestadas.

Já no pré-cadastro o responsável familiar terá que preencher as informações básicas sobre os integrantes da família e depois comparecer a um posto de atendimento do Cadúnico no prazo de 120 dias para finalizar o cadastro.

Beneficiário deve tomar cuidado com versões falsas na hora de fazer o download.
Beneficiário deve tomar cuidado com versões falsas na hora de fazer o download.