Se você faz parte de uma das 14,69 milhões de famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família e deseja consultar o saldo do seu benefício, a situação do cadastro ou então consultar todo o histórico de recebimento saiba que existem duas formas de fazer a consulta pública do Bolsa Família.

As ferramentas disponibilizadas pela Caixa Econômica Federal e pelo governo federal também permitem que qualquer cidadão consulte a lista de beneficiários do programa social com detalhamento de informações de forma simples e rápida. A consulta pública de dados do Bolsa Família está prevista na lei que criou o programa social e que determina que a lista de beneficiários e os valores transferidos devem ser de acesso público.

Como ver a lista de beneficiários do Bolsa Família?

Existem duas formas de fazer a consulta pública do Bolsa Família: a primeira é acessando a plataforma da Caixa Econômica Federal [acesse aqui] e a outra é consultando os dados no Portal da Transparência [acesse aqui]. Confira abaixo o passo a passo para fazer as buscas nos dois sites.

Consulta do Bolsa Família no Portal da Transparência

O Portal da Transparência permite a consulta a diversos tipos de benefícios sociais, como o Auxílio Emergencial, Bolsa Família, BPC, Seguro Defeso, entre outros. A ferramenta possibilita que o cidadão faça a consulta por período, tipo de benefício e escolha o estado e município a ser pesquisado.

Os resultados apresentados detalham o número de beneficiários do local pesquisado, o valor do benefício recebido e o Número de Identificação Social (NIS). É possível ver também a quantidade de dependentes do Responsável Familiar cadastrado e o histórico de recebimento em meses e anos anteriores. Veja como fazer a busca.

  • Acesse a página Benefícios ao Cidadão no Portal da Transparência e clique em Consulta;
  • No lado direito, marque a opção Bolsa Família em Tipo de Benefício;
  • Marque o período e o estado/município que deseja pesquisar e clique em Consultar;
  • O sistema irá exibir os resultados de acordo com os filtros de busca. Clique em Detalhar para ver a lista completa de informações.

É possível também utilizar o recurso Busca Livre para pesquisar informações se você possui o nome completo ou o NIS do Responsável Familiar.

Consulta do Bolsa Família no site da Caixa

O site da Caixa permite três formas de consultar os dados referente ao Bolsa Família, buscando por Estado (UF), por município ou por família. A consulta pública no site da Caixa permite visualizar os valores liberados por família e a consulta do saldo do benefício, bem como os valores já sacados.

Consultar Bolsa Família por UF

  • Acesse o site de Consulta Pública do Bolsa Família;
  • Selecione o estado que deseja consultar;
  • Selecione o mês desejado (o sistema disponibiliza os dados das três últimas folhas de pagamento) e clique em Consultar;
  • Será exbibido na tela o número total de famílias beneficiadas e o total de recursos destinados referente ao estado escolhido.

Consultar Bolsa Família por município

  • Acesse o site de Consulta Pública do Bolsa Família;
  • Selecione o estado que deseja consultar;
  • Selecione o município;
  • Selecione o mês desejado e clique em Consultar;
  • Será exibido na tela o número de famílias beneficiadas no município.

Consultar Bolsa Família por família

  • Acesse o site de Consulta Pública do Bolsa Família;
  • Digite o Número de Identificação Social (NIS) ou CPF do Responsável Familiar (RF);
  • O nome do responsável deve aparecer na tela. Clique em Consultar;
  • Será exibido um quadro com o nome do RF, data de nascimento, cidade onde a família está cadastrada e a situação do benefício (aprovado ou não).

1,2 milhão na fila de espera do Bolsa Família

Em torno de 1,2 milhão de famílias brasileiras estão aguardando na fila de espera do Bolsa Família em 2021. Os dados obtidos pelo O Globo indicam que há exatamente 1.186.755 de pessoas que possuem direito ao benefício e esperam ser assistidas pelo governo federal nesse momento de crise econômica e sanitária.

Ainda no início do ano, quando 4 milhões de pessoas aguardavam pelo benefício, o Ministério da Cidadania não se pronunciou sobre o tamanho da fila, afirmando apenas que em função da pandemia os processos de averiguação e revisão cadastral do programa ainda estão suspensos em alguns municípios. A fila de espera do Bolsa Família é composta pelos cidadãos que estão no Cadastro Único e se encaixam em algum dos critérios para receber o benefício.

- Confira os critérios para receber o Bolsa Família em 2021

Os mais de 14 milhões de beneficiários do programa social aguardavam para o início de 2021 o anúncio do novo Bolsa Família. Desde dezembro do ano passado, o governo federal tem afirmado que o programa será reformulado para atender um número maior de beneficiários e para receber um aumento no valor do tíquete médio, passando de R$ 190 para pouco mais de R$ 200 mensais.

Com a volta do Auxílio Emergencial, o governo decidiu adiar os planos de reformulação do Bolsa. Os novos pagamentos do Auxílio Emergencial em 2021 iniciaram em abril para 39 milhões de beneficiários.

Em agosto, o presidente Jair Bolsonaro enviou ao Congresso Nacional o projeto que cria o Auxílio Brasil, programa de transferência de renda que vai substituir o Bolsa Família. O novo programa social deve atender os 14,6 milhões de beneficiários e ter um valor mensal de R$ 300.